BDM
 

Suspense com Orçamento e NY

Por Rosa Riscala e Mariana Ciscato*

[21/01/2022] ... No último dia para a sanção do Orçamento/22, não há certeza de que Bolsonaro desistiu do aumento dos policiais nem de como ficarão os cortes das emendas parlamentares para cobrir o furo de R$ 9 bi. Antes de uma solução para esse impasse fiscal, outro já foi criado. O presidente confirmou ontem, em sua live, a intenção de enviar ao Congresso uma PEC para reduzir o preço dos combustíveis e da energia. Mas NY também está no topo das preocupações dos investidores domésticos, com a virada das bolsas na reta final do pregão, que levantou a lebre: até quando o Ibov terá forças para operar descolado? Fechou ontem em alta de 1,01%, após tentar os 110 mil pontos, enquanto o S&P 500 caiu 1,10%.

Continuar lendo