Petróleo

Petróleo devolve ganhos, com Brent pairando acima de US$ 81 após interrupções no fornecimento

Atualizado 14/07/2023 às 08:34:51

Depois de três sessões consecutivas em alta, prestes a registrarem uma terceira semana de valorização pela primeira vez desde abril, os contratos futuros de petróleo devolvem ganhos registrados mais cedo.

Com o índice DXY estável, aos 99,823 pontos (+0,05%), o Brent, referência global, paira acima de US$ 81 o barril hoje (US$ 81,26, em -0,12% o contrato para setembro) com o sentimento otimista sobre a demanda dos EUA e apoio da interrupção da oferta na Líbia e na Nigéria. O WTI agosto, a US$ 76,78, passou a cair -0,14%.

Ontem, alguns campos de petróleo na Líbia foram fechados por causa do protesto de uma tribo local contra o sequestro de um ex-ministro. Separadamente, a Shell suspendeu os carregamentos de petróleo bruto da Nigéria, devido a um possível vazamento em um terminal. A interrupção na Líbia está bloqueando 370 mil bpd e a da Nigéria está estimada em 225 mil bpd.

Outro suporte aos preços veio dos relatórios de ontem da AIE e da Opep, segundo os quais a demanda aumentará no segundo semestre, principalmente na China. (Ana Katia + agências)

Veja Também