Petróleo

Petróleo cai devido a receios sobre a demanda e dúvidas sobre cortes da Opep+

Atualizado 04/12/2023 às 08:11:33

[04/12/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

O petróleo aprofundou a baixa sob pressão do ceticismo dos investidores a respeito da última decisão da Opep+ sobre a oferta e pela incerteza em torno da demanda global de combustíveis, embora o risco de interrupções devido ao conflito no Oriente Médio limite as perdas.

A queda de hoje se soma aos -2% na semana passada, após os cortes anunciados na 5ªF pela Opep e aliado, que foram de natureza voluntária, levantando dúvidas sobre se os produtores os implementariam integralmente ou não. Os investidores também não têm certeza sobre como os cortes seriam medidos.

A lenta atividade manufatureira global também pesou sobre os preços. Os dados mais recentes implicam fortes ventos econômicos contrários, que reforçam as preocupações sobre o crescimento da demanda de petróleo. A geopolítica, por sua vez, voltou a entrar no foco com o combate recomeçando em Gaza. O Brent para fevereiro cai 0,71%, para US$ 78,32; e o WTI para janeiro, -0,72% a US$ 73,54. (Ana Katia + agências)

Veja Também