Petróleo

Petróleo acelera alta no fim da sessão com notícias sobre campo na Líbia

Atualizado 13/07/2023 às 15:51:00

As cotações do petróleo aceleraram a alta no fim do pregão desta 5ªF com a notícia da Bloomberg de que o campo El Feel, na Líbia, interrompeu a produção de 70 mil barris/dia após invasão de manifestantes.

Até então, as cotações vinham reduzindo as altas vistas pela manhã, quando foram às máximas motivadas pela forte queda do dólar ante outras moedas após o PPI mais fraco que o esperado nos EUA em junho.

Depois, a redução da estimativa da Agência Internacional de Energia (AIE) para a demanda global em 2023 incentivou certa cautela entre os investidores. A entidade cortou a projeção em 220 mil barris, para 2,2 milhões de bpd. Por outro lado, a Opep manteve uma perspectiva positiva, elevando em 100 mil barris, para 2,4 milhões de bpd, sua previsão de crescimento da demanda para 2023.

Outro bom dado do dia foi o aumento das importações de petróleo bruto da China em junho, que atingiram o nível mais alto em três anos, apesar dos sinais de uma desaceleração econômica mais ampla.

No fechamento, o contrato Brent para setembro subiu 1,56%, a US$ 81,36 por barril, na ICE. O WTI para agosto avançou 1,50%, a US$ 76,89 por barril, na Nymex. (BDM Online + agências)

Veja Também