Giro dos Mercados

Petrobras derruba Ibovespa em dia de CPI favorável nos EUA

Atualizado 15/05/2024 às 15:33:55

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/12/graficos-do-mercado-financeiro.jpg

As bolsas de Nova York atingem novos recordes intraday depois dos preços ao consumidor (CPI) de abril abaixo do esperado nos Estados Unidos. Investidores respiram aliviados com o indicador e elevam as apostas para um corte de juro em setembro pelo Federal Reserve.

A animação passa longe do Ibovespa (-0,58%, a 127,769) por causa da Petrobras. O papel ON derrete 7,2% e o PN cede 6,20% por causa da destituição de Jean Paul Prates da presidência da empresa. O mercado acha que cresceu a possibilidade de maior intervenção do governo na estatal.

Por outro lado, papéis de construtoras sobem após o governo anunciar medidas de moradia para os desabrigados no Rio Grande do Sul. MRV (+3,97%) é a terceira maior alta do dia.

Lá fora, o Dow sobe 0,73% e o Nasdaq avança 1,35%. O S&P 500 está acima dos 5.300, num nível recorde, com alta de 1,07%.

O alívio lá fora se estende ao dólar (DXY -0,65%) e aos juros dos Treasuries, o que reverbera de certa forma por aqui. O dólar sobe 0,11%, a R$ 5,1360, mas está longe da máxima do dia, em R$ 5,1718.

Mesma coisa nos juros futuros, que caem a partir do Jan26, apesar de todo o nervosismo no mercado doméstico.

(Ana Conceição)

Veja Também