Giro dos Mercados

Investidor retoma rali de fim de ano após Powell indicar pouso suave e RCN reiterar ritmo de corte da Selic

Atualizado 01/12/2023 às 15:14:39

[01/12/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

Depois de titubear nas primeiras horas do pregão, o investidor gostou da falas de Jerome Powell e Roberto Campos Neto e partiu para compra de ativos de risco na tarde desta 6ªF, dando sequência ao rali de fim de ano.

O Ibovespa testa os 128 mil pontos (128.072), com alta de 0,58%. Em Wall Street, os índices também operam nas máximas do dia: Dow sobe 0,84%, S&P500 ganha 0,65% e Nasdaq tem alta de 0,56%. Em contrapartida, juros futuros, Treasuries e dólar (-0,88%, a R$ 4,8719) apontam para baixo.

Powell indicou que a economia americana segue para um pouso suave, afirmando que os dados disponíveis apontam para desaceleração do PIB no 4TRI, após o forte resultado do 3TRI. Embora tenha dito que a inflação segue acima da meta e que o Fed pode fazer novo aperto, se necessário, o mercado preferiu olhar a fala do dirigente do BC americano pelo lado do copo meio cheio.

O mesmo ocorreu com Campos Neto, que afirmou que o BC está confortável com o ritmo de corte de 0,5 pp da Selic na próxima reunião, mas lembrou que o cenário é reavaliado a cada reunião do Copom, com os dados disponíveis no momento, e uma nova reavaliação (reunião) está próxima. (Téo Takar)

Veja Também