Morning Call

Índices PMI conferem riscos à economia global

Atualizado 01/08/2023 às 00:48:56

Por Rosa Riscala e Mariana Ciscato*

[1/8/2023]

… A queda do PMI da China em julho para o território de contração (49,2) contrariou o consenso (50,3) e deve gerar a expectativa de novos estímulos. Ainda na Ásia, o índice do Japão veio abaixo do esperado (49,6). Na Europa, são de recuo todas as previsões para os índices PMI de julho, nesta manhã – o que deve reforçar as apostas em pausa do aperto do juro pelo BCE. Já nos EUA, dois indicadores da atividade na agenda devem melhorar, mas o investidor em NY estará mais preocupado com o relatório Jolts de abertura de vagas (11h), enquanto espera pelo payroll (6ªF) para projetar o Fed. Aqui, o IPC-S vem próximo de zero e a produção industrial deve voltar a cair. No noticiário corporativo, repercute a definição do modelo de privatização da Sabesp.

… Em entrevista concedida no início da noite, o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, informou que foi escolhido o follow on, oferta subsequente de ações, para a operação, por ser mais “flexível” e que “mais se adapta” à companhia.

… “Vamos seguir o follow on, buscando investimentos de longo prazo. É o mais adaptável para a Sabesp por ser mais flexível, do que o modelo da Eletrobras. O objetivo é oferecer maior concentração de capital para atrair investidores de referência.”

… Para o governador, a expectativa é que o follow on garantirá investimento para todos os municípios do Estado, mesmo para os que não apresentam vantagem econômica. A redução da tarifa é outro benefício citado por ele.

… O governo do Estado seguirá acionista da Sabesp após a privatização da companhia, mas essa participação, que hoje é de 50,3%, ainda será decidida. “O Estado não vai sair completamente da empresa, apenas do controle.”

… Segundo Tarcísio, o governo de São Paulo seguirá com participação minoritária, “acompanhando o crescimento da empresa”. Ele estima R$ 66 bilhões em investimentos, com o processo antecipando a universalização do saneamento no Estado para 2029.

… A possibilidade de o Estado de São Paulo receber golden shares, ações com poder de veto para decisões de caráter estratégico, no entanto, não está resolvida. Está sendo estudada, assim como uma possível trava na participação privada.

… O governador quer aprovar a privatização da Sabesp na Assembleia Legislativa de SP até o fim do ano e vender em 2024.

… Na expectativa do anúncio do seu modelo de privatização, divulgado após o fechamento, a ação da Sabesp subiu 2,49% na B3. No after hours em Nova York, o ADR da companhia ampliou a alta, avançando mais 2,18%.

… No Ibovespa, o dia foi de fortes ganhos, impulsionados pela alta das commodities, após a China anunciar estímulos para a sua economia. Destaque para Petrobras, que também reagiu positivamente à nova política de dividendos (abaixo).

PRATES – Em meio às negociações para a reforma ministerial, Lula reúne-se hoje com o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, às 10h, no Planalto. Nos bastidores, seguem as especulações de que o presidente não estaria satisfeito com Prates.

ARCABOUÇO FISCAL – Na volta dos trabalhos legislativos, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), convocou os líderes partidários para reunião hoje, quando será definida a pauta de votações da semana.

… Há expectativa no governo de que o projeto do novo arcabouço fiscal seja aprovado até a 5ªF, para permitir o envio do projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) em 30 de agosto já com as novas regras. Mas a votação ainda não está confirmada.

… Lira afirmou ao Valor que consultará os líderes antes de pautar a matéria, que foi modificada pelos senadores.

… O secretário do Tesouro Nacional, Rogério Ceron, disse que a equipe da Fazenda se reunirá com líderes partidários da Câmara para entender qual é o sentimento dos deputados sobre as mudanças feitas pelo Senado no texto do novo arcabouço fiscal.

… “Precisamos entender qual é o sentimento dos parlamentares em relação a manter as alterações que foram feitas no Senado ou retomar o texto original que foi aprovado pela Câmara”, disse ele em entrevista à GloboNews.

… Indagado sobre a posição da Fazenda em relação ao Fundeb e ao Fundo Constitucional do Distrito Federal, que foram retirados do limite de despesas pelo Senado, Ceron evitou se posicionar, dizendo que Haddad retomará as discussões.

… Também o relator do projeto, deputado Cláudio Cajado (PP), não antecipou seu parecer sobre as emendas feitas pelo Senado.

PRODUÇÃO INDUSTRIAL – A mediana do mercado indica contração de 0,1% da produção industrial em junho, na margem, após alta de 0,3% em maio. As estimativas vão de recuo de 1,3% a avanço de 0,7%, segundo pesquisa do Broadcast.

… O programa do governo federal de incentivo às montadoras, que passou a vigorar em 16 de junho, levou a uma antecipação da produção de veículos em maio, que deve ser devolvida em junho, contribuindo para a contração da indústria no mês.

… A produção de veículos caiu 7,1% em junho na comparação com igual mês de 2022, segundo dados da Anfavea, enquanto, em maio, registrou crescimento de 10,7%. O dado da produção industrial será divulgado pelo IBGE às 9h.

… Além da queda na produção de veículos, houve recuos na produção e consumo de aço e no consumo de cimento, confirmando que a indústria caminha para um período de expansão lenta, sobretudo pelo nível restritivo dos juros.

… Mais cedo (8h), a FGV divulga o IPC-S fechado de julho, que deve ficar em 0,09% na mediana. O resultado da balança comercial de julho será divulgado às 15h e comentado em entrevista coletiva para a imprensa às 15h15.

BALANÇOS – Klabin reporta resultado do 2Tri antes da abertura e Cielo e Iguatemi, após o fechamento.

… Nos EUA, tem Caterpillar agora pela manhã e AIG à noite. No Reino Unido, HSBC.

MAIS AGENDA – Ainda lá fora, índices PMI industrial de julho na Alemanha (4h55), zona do euro (5h) e Reino Unido (5h30) devem recuar sobre junho, para 38,8 (de 40,6), 42,7 (de 43,4) e 45,0 (de 46,5), respectivamente.

… Nesta 2ªF, pesquisa do BCE realizada com analistas apurou que a maioria espera para dezembro um corte na taxa de depósitos, hoje em 3,75%, de 25pb. Já uma redução nas taxas de refinanciamento e de empréstimos deve ficar para fevereiro/24.

… Nos EUA, saem o PMI industrial da S&P Global (10h45), com previsão de alta para 49 (de 46,3), e o PMI industrial do ISM (11h), que deve subir para 46,9 (de 46 em junho). Ambos os indicadores são de julho.

… Nesta 2ªF, o índice PMI da indústria, apurado pelo ISM de Chicago ficou em 42,8 em julho, abaixo da estimativa dos analistas, de 43, o que reforçou a aposta de manutenção do juro pelo Federal Reserve na reunião de setembro.

… Ainda na agenda de NY, é importante o relatório Jolts, com previsão de abertura de 9,7 milhões de vagas de trabalho em junho (11h). A maior expectativa é para o payroll (6ªF), destacado pelo Fed como principal pressão inflacionária.

BRILHOU – Tudo conspirou ontem a favor da Petrobras, que, às vésperas de seu balanço (5ªF), acionou rali com estímulos da China, alta do petróleo, melhora do rating pela Fitch e, em particular, a nova política de dividendos.

… Foi positiva a repercussão à remuneração aos acionistas. Pela fórmula que já vai vigorar no resultado do 2Tri, o pagamento de dividendos caiu 60% para 45% do fluxo de caixa, mas superou em 5 pp o consenso do mercado.

… A regra surpreendeu positivamente analistas do UBS BB, que estimam para o ano que vem o pagamento de US$ 8,7 bilhões em proventos, se o valor médio do petróleo Brent ficar em US$ 80 o barril e o dólar a R$ 5.

… Na avaliação do Bradesco BBI, apesar do aumento dos riscos, os termos da nova política de remuneração aos acionistas são positivos e mantêm potencial para grandes pagamentos de dividendos extraordinários.

… Também a Moody´s elogiou, avaliando que a fórmula não afetará a qualidade de crédito. “Permitirá maior retenção de caixa à Petrobras, protegendo o balanço frente investimentos ou aquisições”, segundo a agência.

… Diante da combinação de boas notícias do dia, as ações da Petrobras deram um salto: ON, +5,26% (R$ 34,81); e PN, +4,54% (R$ 31,11). A alta do petróleo lá fora levou a companhia a soltar nota sobre pressão por reajustes.

… Diante do descolamento cada vez maior dos preços internacionais dos derivados de petróleo, a Petrobras informou que eventuais ajustes nos preços dos combustíveis serão realizados no “curso normal” dos negócios.

… A empresa, que abandonou em maio a política de paridade de importação (PPI), disse que análises técnicas e independentes têm observado com atenção os desdobramentos do mercado internacional de petróleo.

… No exterior, o Brent para outubro subiu 1,20%, a US$ 85,43, e encerrou o mês de julho com alta de dois dígitos (+13,8%), com oferta mais apertada da Opep+ e expectativa de fim do ciclo de aperto dos grandes BCs.

… Além de Petrobras, também a Vale ligou o turbo ontem (ON, +2,26%, a R$ 69,16), junto com as siderúrgicas (Gerdau PN, +3,07%; CSN, +2,82%; Metalúrgica Gerdau, +2,38%; e Usiminas PNA, +1,97%), de carona na China.

… O principal órgão de planejamento chinês detalhou algumas medidas para impulsionar o consumo doméstico.

… Entre elas, orientou os governos locais a aliviarem restrições para compras de carros e lançar incentivos para aquisições de novos veículos, além de subsídios para o consumidor rural comprar e trocar eletrodomésticos.

… O órgão também permitirá que projetos relacionados a consumo utilizem recursos de fundos de investimento imobiliário e pediu às instituições financeiras que reduzam taxas de juros de cartões de crédito e empréstimos.

… O governo ainda irá avançar com a reforma de prédios residenciais antigos e serão aceleradas as aprovações de filmes, shows e eventos esportivos, de forma a estimular gastos com esportes e entretenimento.

MOTOR – No ambiente positivo do dia, com a força das blue chips das commodities, dos bancos e varejistas, o Ibov subiu bem (+1,46%), a 121.942,98 pontos, após ter superado os 122 mil na máxima. O giro foi de R$ 21,7 bi.

… O índice à vista terminou o mês com ganho acumulado de 3,27%, quase um terço do avanço de 9% de junho.

… Bradesco PN teve alta de 0,91% ontem (R$ 16,66), Bradesco ON registrou elevação de 0,68% (R$ 14,85), Itaú ganhou 0,35% (R$ 28,64) e BB ON, +1,92%, a R$ 48,19. A exceção foi Santander unit, que caiu 0,80%, a R$ 28,56.

… Diante da convicção de que o BC abrirá o ciclo de cortes da Selic amanhã, o setor varejista subiu em bloco: Carrefour (+8,2%), Magalu (+5,6%), Petz (+3,2%), Natura (+2%), Via (+1,4%), Soma (+1,3%) e Renner (+0,5%).

… BRF disparou 6,20%, no movimento influenciado pela queda dos preços dos grãos em Chicago, o que melhora a dinâmica de custos do setor e abre espaço para que os frigoríficos recuperem margens. JBS subiu 1,57%.

IPOS – A elevação do rating do Brasil pela Fitch, avanço da agenda econômica do governo e melhoria das projeções de inflação e PIB beneficiam a retomada de abertura de capital na B3, dizem especialistas à Folha.

… Segundo as fontes, empresas que já cogitaram abrir capital, como a Companhia Brasileira de Offshore (CBO) e a China Three Gorges (CTG), estão entre as principais candidatas a promover IPOs nos próximos meses.

… Também a Compass, Aegea, Iguá e Corsan são apontadas como potenciais nomes da lista de ofertas públicas.

RACHA NO COPOM – Tudo leva a crer que virá dividido amanhã o placar do primeiro corte da Selic. Os dois diretores estreantes (Galípolo e Aquino) não vão deixar de marcar posição e votar por 0,5 pp no início do ciclo.

… Outros dirigentes devem acompanhá-los contra os falcões. Diogo Guillen deve pedir 0,25 pp e RCN é dúvida.

… Ao Broadcast, o economista-chefe do BV, Roberto Padovani, disse não haver qualquer impedimento técnico para o juro cair meio ponto, mas o corte agressivo possibilitaria leitura de 0,75 pp e 1 pp nas próximas reuniões.

… Do último Copom (junho) para cá, a inflação em rota de queda, o avanço da reforma tributária, a apreciação cambial e a melhora do rating do Brasil pela Fitch colocaram cada vez mais pressão dovish sobre o BC.

… A curva do DI continua amplamente precificada (70%) para queda de 0,5 pp da Selic amanhã, mas os traders estão em confronto aberto com os economistas, que esperam 0,25 pp (62 de 88 casas ouvidas pelo Broadcast).

… Está boa a briga não só no mercado financeiro, mas, ao que tudo indica, também dentro do Copom.

… Na reunião de política monetária anterior (21/6), a mediana do IPCA deste ano na pesquisa Focus estava em 5,12%. Agora, já está em 4,84%, cada vez mais perto do teto da meta estabelecida pelo CMN (4,75%).

… Para 2024, foco da política monetária, a projeção recuou de 4,00% (quase um mês e meio atrás) para 3,89%, mas segue longe do target de 3%. Para 2025, com menor peso no horizonte relevante, caiu de 3,8% a 3,5%.

… Às vésperas do Copom, a curva do DI devolveu prêmio ontem em toda a sua extensão, contagiada pelos novos estímulos da China e pela percepção entre os analistas de que o Fed não subirá mais o juro em setembro.

… O contrato de DI para jan/24 caiu a 12,585% (de 12,611% na 6ªF); jan/25, 10,615 (de 10,640%); jan/26, 10,060% (de 10,118%); jan/27, 10,130% (de 10,207%); jan/29, 10,500% (10,604%); e jan/31, 10,750% (10,850%).

… O Fed dovish é bom para o fluxo estrangeiro vir para o Brasil. O Copom mais dovish, nem tanto. Apesar do carry-trade menos atraente, o dólar não tem exibido maior estresse. Pelo contrário. Segue abaixo de R$ 4,80.

… Ontem, passada a pressão da disputa da ptax (+0,34%, a R$ 4,7415), a moeda americana zerou os ganhos e fechou estável (-0,03%), cotada a R$ 4,7295. No acumulado de julho, caiu 1,25% e, no ano, recua 10,43%.

MAIS UM PARA CONTA – O amplo consenso (82%) na ferramenta de apostas do CME de que o Fed deixará o juro estável em setembro foi reafirmado ontem nos EUA pelo PMI fraco em julho medido pelo ISM de Chicago.

… Os Fed boys vêm repetindo Powell: o próximo passo da política monetária ainda não está decidido e dependerá dos indicadores que saírem nestes quase dois meses que separam o mercado da reunião de 20/9.

… Em entrevista ao Yahoo Finance, o presidente da distrital do Fed em Chicago, Austan Goolsbee, reconheceu o progresso “fabuloso” da desaceleração do PCE em junho, mas evitou assumir que o juro não subirá mais.

… “Temos vários outros dados importantes antes da próxima reunião, não devemos atar nossas mãos”, disse.

… Neel Kashkari (Minneapolis) foi na mesma linha. “Se precisarmos subir mais os juros, faremos, mas deixaremos que os dados nos guiem. O núcleo do CPI ainda está acima de 4%, bem maior que a meta de 2%.”

… “Pessoalmente, não acho realista que vamos acabar com esse ciclo de inflação sem nenhum custo para o mercado de trabalho”, afirmou, projetando taxa de desemprego em 4%, contra o patamar atual de 3,6%.

… À espera do payroll, os juros dos Treasuries caíram de leve: o yield da Note-2 anos foi a 4,857%, de 4,874%, e o de 10 anos, a 3,951%, de 3,958%. Mas o dólar subiu, porque o euro renovou sucessivas mínimas no pregão.

… Os últimos indicadores econômicos fracos na zona do euro levaram a moeda a perder o patamar de US$ 1,12 ao longo de julho e terminar o mês passado abaixo de US$ 1,10, cotada a US$ 1,0997 (-0,18%) nesta 2ªF.  

… Na contagem regressiva para a reunião do BoE (5ªF), a libra esterlina (-0,07%) fechou a US$ 1,2834. O iene (-0,81%, a 142,27/US$) reagiu à intervenção do BoJ no mercado de títulos para estabilizar a alta nos rendimentos.

… A iniciativa sinaliza que o BC japonês ainda não se sente à vontade para abandonar sua política ultraflexível.

… O índice DXY, que mede o dólar contra seis rivais fortes, subiu 0,23% ontem, aos 101,855 pontos, mas caiu 1,03% em julho, no mês que foi marcado pela sinalização do Fed sobre o possível fim do ciclo de aperto.

… Para as bolsas em NY, julho registrou uma onda de otimismo com a temporada dos balanços corporativos, que garantiu ganhos acumulados fortes no mês ao Dow Jones (+3,35%), S&P 500 (+3,12%) e ao Nasdaq (+4,05%).

… Completaram o quinto ganho mensal consecutivo. Ontem, os três índices de ações tiveram altas discretas: +0,28%, aos 35.559.53 pontos; +0,15%, aos 4.588,96 pontos; e +0,21%, aos 14.346,02 pontos, respectivamente.

EM TEMPO… PETROBRAS convocará 2.170 aprovados em dois concursos nacionais, de níveis superior e técnico, que estavam no cadastro de reserva; também decidiu abrir novo processo seletivo até o fim deste ano.

PETRORIO informou que o Goldman Sachs passou a deter uma posição de derivativos de 5,12% na companhia, o equivalente a 46,2 milhões de ações PN…

… Segundo o último formulário de referência divulgado pela companhia, em 13/7, o banco não detinha uma participação relevante na empresa.

COPASA registrou lucro líquido de R$ 249,3 milhões no 2TRI, alta de 38,2% na comparação anual; Ebitda somou R$ 532,7 milhões, avanço de 8,2% em relação ao mesmo período de 2022.

ISA CTEEP teve lucro líquido regulatório de R$ 261,2 milhões no 2TRI23, alta de 252,6% sobre o 2TRI22; lucro líquido IFRS caiu 14,1%, para R$ 600,9 milhões no período; Ebitda ajustado somou R$ 686,8 milhões, alta anual de 23,8%.

ENEVA. Geração bruta de energia totalizou 1.418 gigawatts-hora no 2TRI; no 2TRI, foram exportados 694 gigawatts-hora para Argentina e Uruguai; produção de gás natural totalizou 300 milhões de metros cúbicos no 2TRI.

ECORODOVIAS teve lucro líquido de R$ 123,7 milhões no 2TRI23; no 2TRI22, empresa teve prejuízo de R$ 13,1 milhões; Ebitda ajustado somou R$ 918,2 milhões no 2TRI23, alta anual de 98,3%.

TIM teve lucro líquido de R$ 638 milhões no 2TRI23, alta de 104% ante 2TRI22; Ebitda normalizado atingiu R$ 2,914 bilhões no 2TRI23, alta de 17,2%; receita líquida foi de R$ 5,863 bilhões, alta de 9,2%.

OI. Conselho de Administração aprovou, por unanimidade, a formalização da política de remuneração dos administradores e dos membros do conselho fiscal.

WEG vai investir R$ 87 milhões na construção de novas fábricas na sua planta produtiva de Itajaí (SC); projeto deve ser concluído no final de 2024.

TOTVS informou que foi concluída a operação de criação da joint venture em techfin, anunciada em abril do ano passado, entre a companhia e o Itaú, após o cumprimento de todas as condições precedentes…

… Com a transação, o Itaú passa a deter 50% do capital social da Totvs Techfin, mediante um aporte primário de R$ 200 mi no capital social da JV e o pagamento à Totvs de R$ 410 mi à vista e até R$ 450 mi após 5 anos.

CIELO elegeu Henrique Fernando Lucas como diretor-geral da Cateno…

… Nome havia sido aprovado em uma primeira análise e estava dependendo do aval do Conselho de Administração da Cateno, empresa controlada pela Cielo e pelo Banco do Brasil, para que a indicação fosse efetivada.

CAIXA renegociou R$ 660,8 milhões nas duas primeiras semanas do programa Desenrola.

DEXCO suspende a partir de hoje a operação na unidade RC2, em Criciúma (RS), para buscar melhoria de eficiência e produtividade.

AOS ASSINANTES DO BDM, BOM DIA E BONS NEGÓCIOS!

*com a colaboração da equipe do BDM Online

AVISO – Bom Dia Mercado, produzido pela Mídia Briefing, não pode ser copiado e/ou redistribuído.

Veja Também