Ibovespa

Ibovespa se descola do exterior e fecha em alta; BRF puxa alta dos frigoríficos

Atualizado 05/07/2023 às 19:23:40

O Ibovespa se descolou do exterior e fechou em leve alta de 0,40% nesta 4ªF, aos 119.549,21 pontos. O volume financeiro somou R$ 23,3 bilhões. A expectativa com o follow-on da #BRFS3 favoreceu o desempenho da ação da companhia nesta 4ªF e beneficiou outros ativos do setor de frigoríficos. O papel da empresa avançou 10,28%, a R$ 9,87, liderando entre as maiores altas do Ibovespa. Também na lista, #MRFG3 ganhou 4,92% (R$ 7,47) e #JBSS3 subiu 3,65% (R$ 18,18).

Ainda se destacaram no ranking positivo #IRBR3 (+7,13%; R$ 46,40) e #MRVE3 (+6,67%; R$ 12,79). A ponta negativa ficou com #BRKM5, que desvalorizou 4,42%, a R$ 27,66, efeito do rebaixamento da recomendação do papel pelo JP Morgan de overweight (equivalente a compra) para neutra. Em seguida na lista, #AZUL4 recuou 3,12% (R$ 20,47) e #RAIZ4 cedeu 2,72% (R$ 4,29). As blue chips recuaram, apesar do avanço de suas respectivas commodities. #PETR3 registrou -0,03% (R$ 33,74), #PETR4, -0,13% (R$ 30,11) e #VALE3, -0,88% (R$ 65,32). Já os principais bancos ficaram sem direção única. #SANB11 teve queda de 1,43%, a R$ 30,33, e #BBAS3 baixou 0,66%, a R$ 49,74. Ficaram no lado positivo #BBDC3 (+0,14%; R$ 14,69), #BBDC4 (+0,18%; R$ 16,57) e #ITUB4 (+0,87%; R$ 29,03). (Igor Giannasi)

Veja Também