Ibovespa

Ibovespa recua com exterior de olho na reforma tributária na Câmara

Atualizado 06/07/2023 às 10:58:44

A retomada de aumentos dos juros em julho pelo Fed, demonstrada da ata do BC norte-americano divulgada ontem e confirmada nos números fortes do ADP, há pouco, afeta o desempenho dos mercados globais nesta quinta-feira. Às vésperas do payroll (amanhã) e do CPI (semana que vem), as bolsas americanas aprofundaram perdas e rendimentos dos Treasuries dispararam com a criação de emprego quase o dobro da projeção (497 mil ante consenso de 250 mil).

Por aqui, o mercado também fica atento às discussões do primeiro turno da reforma tributária no plenário da Câmara, com expectativa de que ela ocorra hoje, a partir das 18h. Na B3, as ações do setor bancário, que ontem encerrou misto, hoje cai em bloco. Bradesco ON (#BBDC3) perde 1,36% (R$ 14,49); Bradesco PN (#BBDC4) -1,51% (R$ 16,32); Banco do Brasil (#BBAS3) recua 0,72% (R$ 49,38); Itaú (#ITUB4) -0,62% (R$ 28,85) e Santander (#SANB11) cede 0,66% (R$ 30,13).

Na liderança das poucas altas do índice, SLC Agrícola (#SLCE3) sobe 0,59% (R$). Na ponta oposta, Magazine Luiza (#MGLU3) perde 5,28% (R$ 3,23), após divulgar dados operacionais de junho. (Priscila Arone)

Veja Também