Mercados

Ibovespa perde os 129 mil pontos com queda de ações de peso, IPCA ruim e NY sem força

Atualizado 08/02/2024 às 12:26:27

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/11/bolsa-grafico.jpg

[08/02/24] Da Redação do Bom Dia Mercado

O Ibovespa perdeu os 129 mil pontos (128.618,24), piorando com a virada negativa de Petrobras, enquanto as metálicas enfraquecem e ações ligadas à economia doméstica sentem a alta dos juros futuros motivada pelo IPCA acima do estimado. Há pouco o índice cedia -1,02%. Os rendimentos dos Treasuries sobem, afetando as bolsas (Dow -0,06%; S&P -0,03% e Nasdaq +0,17%) em meio a comentários dos dirigentes do Fed que reafirmam as expectativas de que o BC deve manter taxas onde estão por mais tempo.

Thomas Barkin (Fed Richmond), que vota este ano, pediu cautela com os números. Os de pedidos de seguro-desemprego, divulgados hoje, mostrou queda maior do que o esperado na semana passada, apontando para a força subjacente do mercado de trabalho. Outro ponto que inspira cuidado é a revisão da inflação nos EUA, prevista para amanhã, depois das grandes revisões de um ano atrás. A alta dos yields apoia a moeda americana, que sobe de forma generalizada. O DXY ganha 0,17%, aos 104,235 pontos. Ante pares, o destaque é a queda do iene. Aqui o dólar se aproxima dos R$ 5, em alta de 0,32%, a R$ 4,9841. (Ana Katia)

Veja Também