Giro dos Mercados

Ibovespa luta para manter os 117 mil pontos mas commodities limitam

Atualizado 22/06/2023 às 10:53:04

O Ibovespa tenta segurar os 117 mil pontos com ajuda de NY (Dow +0,03%; S&P +0,17% e Nasdaq +0,53%), enquanto Petrobras vira o sinal na contramão do petróleo (-4%).

O índice paulista subia há pouco 0,13%, aos 117.170,17 pontos, limitado pela queda do minério por preocupações com a fraqueza do setor imobiliário da China.

Dados de inflação e decisões de política monetária dão o tom no exterior e o relatório do CPI americano, nesta 3ªF, pode até mesmo influenciar a decisão do Fed, na 4ªF, em um momento no qual é amplamente considerada uma pausa, embora isso não seja o fim do aperto.

Aumentos inesperados no Canadá e na Austrália adicionam um extra de incerteza. Com o ritmo da inflação ainda se mostrando rígido, os rendimentos dos Treasuries sobem, depois de oscilarem.

Aqui, os juros futuros longos têm viés de alta, em linha com a moeda americana, a R$ 4,8845 (+0,17%), em ajuste das perdas recentes.

O DXY, por sua vez, ronda a estabilidade aos 103,655 pontos (+0,09%).

Na ponta mais curta e miolo os juros futuros caem em meio às revisões para baixo da inflação no Focus, com expectativas de corte da Selic em agosto e avanço da reforma tributária. (Ana Katia)

Veja Também