Sem categoria

Ibovespa ganha força com ações de peso e NY descrente no aumento de juros

Atualizado 28/09/2023 às 12:07:04

O Ibovespa retoma os 115 mil pontos (115.247,93), em +0,81%, com NY (Dow +0,24%; S&P +0,34% e Nasdaq +0,26%)], que se esforça para manter alta após dados mostrando economia resiliente reforçarem a descrença em novo aumento de juros este ano.

O CME indica que as apostas em manutenção das taxas em novembro subiram de 77,6% a 83,8%, com ciclo de relaxamento do Fed começando em junho. Mais cedo, o RTI apontou chance de estouro do teto da meta em 2023 de 67% e a leitura é que o cenário não impede a Selic de continuar caindo 50 pb por reunião até o fim de 2023, apesar dos riscos que vão do fiscal ao preço dos combustíveis.

No câmbio, o DXY cai -0,48%, mas segura o nível de 106 pontos (106,156), o mais alto desde novembro, à medida que os EUA os rendimentos de prazo mais longo avançam. Ante o real, a moeda oscila às vésperas da formação da Ptax do mês, há pouco em queda de 0,06%, a R$ 5,0450.

A curva de juros também oscilou muito pela manhã com o exterior e a moeda, enquanto o mercado acompanhava a coletiva do BC sobre o RTI. Mais cedo, Gabriel Galípolo defendeu trecho da ata do Copom sobre a persecução das metas fiscais. (Ana Katia)

Veja Também