Ibovespa

Ibovespa cai com NY e decisão de política da China, no aguardo do Copom e de olho no marco fiscal

Atualizado 20/06/2023 às 11:29:19

Depois de subir em nove das últimas 11 sessões, um dia após ter chegado perto dos 120 mil pontos, o Ibovespa abriu em queda, afinado com NY (Dow -0,50%; S&P -0,31% e Nasdaq +0,02%) , repercutindo a última decisão de política monetária da China, que reduziu as taxas de juros dos empréstimos em 10 pb, menos do que o esperado. O índice cai aos 119.077,13 pontos (-0,65%), com radar na decisão sobre juros do Copom, que será divulgada amanhã, e a votação, no Senado, do novo arcabouço fiscal. 

Já Wall Street volta do feriado de Juneteenth aguardando falas de Jerome Powell e outros integrantes do Fed, JBS (#JBSS3) lidera as altas do Ibovespa, com valorização de 2,75% (R$ 19,08), com o restante do segmento também operando no azul. Braskem (#BRKM5), na ponta oposta, registra o pior desempenho do índice, caindo 2,04% (R$ 30,32).  (Priscila Arone)

Veja Também