Fechamento dos Mercados

Ibovespa atinge nova máxima histórica de fechamento, impulsionado por commodities

Atualizado 18/12/2023 às 18:27:40

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/11/grafico-mercado-financeiro.jpg

[18/12/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

As bolsas tiveram ganhos nesta 2ªF, com o mercado em NY valorizando mesmo após os rendimentos dos Treasuries registrarem avanço.

A declaração do presidente do Fed de Chicago, Austan Goolsbee, que afirmou ser muito cedo para declarar vitória na luta contra a inflação, não assustou os investidores. Os traders preferiram se fixar nas falas de Jerome Powell, na semana passada, sobre o BC ter iniciado discussões sobre corte de juros em 2024.

image 5
Ibovespa atinge nova máxima histórica de fechamento, impulsionado por commodities 2

Por aqui, o Ibovespa subiu e atingiu nova máxima histórica de fechamento, além de ter alcançado nova máxima intraday (131.447,26 pontos). As ações de commodities impulsionaram o índice paulista hoje, com o avanço do petróleo motivando ganhos entre as petroleiras, em especial Petrobras (PETR3; PETR4), enquanto os ganhos do minério de ferro levantaram a Vale (VALE3).

Dólar fechou em queda com entrada de fluxo estrangeiro impulsionando real. Juros futuros caíram e encerraram próximos das mínimas da sessão, com a expectativa de um tom mais dovish na ata do Copom. O documento pode explicar o viés mais conservador do comunicado da semana passada.

O Ibovespa subiu 0,68% e renovou a máxima de fechamento, aos 131.083,82 pontos, com volume de R$ 22,5 bilhões. O dólar à vista cedeu 0,66%, para R$ 4,9048. Em Nova York, o índice Dow Jones fechou estável, aos 37.306,02 pontos. O S&P 500 ganhou 0,45%, aos 4.740,56 pontos, e o Nasdaq avançou 0,61%, aos 14.904,81 pontos. (Eduardo Saraiva)

Veja Também