Economia

Haddad diz que governo vai apresentar alternativa à desoneração

Atualizado 24/11/2023 às 10:42:00

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/11/logo-lite-post.png

[24/11/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou que vai apresentar medidas para compensar o veto do presidente Lula à desoneração da folha de pagamento. Haddad conversou com jornalistas hoje, em São Paulo, para, segundo ele, esclarecer a decisão do governo. O ministro disse que desde o início mencionou inconstitucionalidade da desoneração e que não recebeu retorno do Congresso. Mas que, quando o parlamento tomar conhecimento da alternativa, a questão ficará pacificada. Sobre risco de demissões, Fernando Haddad afirmou que, quando houve a desoneração, os empresários falaram que haveria contratações, mas não houve. Ele lembrou ainda dos gastos feitos por Bolsonaro no último ano de governo. O ministro avaliou que não é fácil colocar ordem em gasto de mais de R$ 300 bilhões para reverter a situação eleitoral em 2022. Ele citou, por exemplo, a MP dos combustíveis, que retirou dinheiro dos estados. “Em nenhum lugar do mundo você isenta combustível fóssil de tributo que água mineral paga”, disse Haddad. De acordo com o ministro, a proposta alternativa à desoneração será apresentada depois da COP 28, que será realizada na semana que vem. (BDM Online)

Veja Também