Câmbio

Dólar sobe e juro não reage ao anúncio da manutenção de meta zero em 2024

Atualizado 16/11/2023 às 13:31:00

[16/11/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

O dólar à vista avança ante o real, na contramão do exterior, onde cai ante pares (DXY -0,23%) e algumas moedas de emergentes, como o peso chileno, o peso mexicano e o rublo. A moeda sobe ante a lira turca e o rand sul-africano. A virada da moeda americana, que caía mais cedo, se deu a despeito do anúncio do relator da LDO, Danilo Forte (UB-CE), de que o governo resolveu manter a meta de déficit primário zero em 2024. A declaração foi dada após reunião com os ministros Fernando Haddad (Fazenda), Simone Tebet (Planejamento), Ester Dweck (Gestão) e Alexandre Padilha (Relações Institucionais). Há pouco, o dólar à vista subia 0,28%, a R$ 4,8757, na máxima do dia. Os juros futuros também não reagiram. Eles estavam em queda moderada, acompanhando os retornos dos Treasuries, e assim se mantiveram. O DI Jan27 cai a 10,355%, de 10,409% na 3ªF, o DI Jan31 recua a 10,960%, de 11,018%. (Ana Conceição)

Veja Também