Câmbio

Dólar mostra volatilidade com julgamento de precatórios no STF, mas termina sessão de lado

Atualizado 27/11/2023 às 17:10:41

[27/11/23] Da Redação do Bom Dia Mercado

O dólar encerrou a 2ªF de lado frente ao real, após uma sessão volátil, em que o noticiário de Brasília deu o tom da moeda.

As atenções estiveram voltadas ao STF, onde ocorria o julgamento da ação do governo para antecipar o pagamento de R$ 95 bilhões em precatórios neste ano. O câmbio chegou a estressar com o pedido de vista do ministro André Mendonça, que poderia suspender o julgamento até o ano que vem, mas logo o mercado se acalmou com a antecipação dos votos dos ministros Dias Toffoli e Alexandre de Moraes a favor do governo, formando maioria pela antecipação dos pagamentos.

O foco agora deverá recair sobre as votações da pauta econômica no Congresso, com destaque para os projetos de tributação das “bets” e dos fundos offshore e exclusivos no Senado, na 4ªF.

No exterior, o viés do dólar foi de baixa hoje, diante da queda de 5,6% nas vendas de moradias novas nos EUA, contrariando a expectativa de alta de 2,8%, reforça a expectativa de que o Fed não mexerá mais nos juros. Investidores estão cautelosos, à espera da agenda carregada de indicadores na semana, que inclui ainda declarações de Jerome Powell.

O dólar à vista fechou em leve alta de 0,03%, a R$ 4,8997, após oscilar entre R$ 4,8725 e R$ 4,9215. Às 17h01, o dólar futuro para dezembro subia 0,04%, para R$ 4,9010.

Lá fora, o índice DXY caía 0,17%, para 103,227 pontos. O euro avançava 0,15%, a US$ 1,0955. E a libra ganhava 0,20%, a US$ 1,2630. (Téo Takar)

Veja Também