Câmbio

Dólar avança após Powell deixar porta aberta para mais alta de juros nos EUA

Atualizado 09/11/2023 às 17:13:02

O dólar fechou em alta firme nesta quinta-feira, acompanhando a piora de humor dos mercados após o presidente do Fed, Jerome Powell, afirmar que o Fed ainda pode subir novamente os juros nas próximas reuniões de política monetária.

O mercado acreditava que, após o dado mais fraco de geração de empregos em outubro nos EUA, divulgado semana passada, o Fed encerraria definitivamente o ciclo de aperto.

“Acreditamos que o processo de redução sustentável para meta de 2% ainda tem um longo caminho a percorrer”, disse Powell, acrescentando que o Fomc continuará cauteloso, olhando dados a cada reunião, mas que, “se for apropriado apertar mais a política monetária, não hesitaremos em fazê-lo.”

No cenário doméstico, a moeda chegou a cair pela manhã, na esteira do otimismo dos investidores com a aprovação da reforma tributária no Senado. O texto ainda terá que voltar à Câmara, mas o ministro Fernando Haddad declarou que está confiante de que a proposta será promulgada até o fim do ano.

O dólar à vista fechou em alta de 0,67%, a R$ 4,9399, após oscilar entre R$ 4,8924 e R$ 4,9469. Às 17h03, o dólar futuro para dezembro subia 0,66%, a R$ 4,9515.

Lá fora, o índice DXY subia 0,31%, aos 105,920 pontos. O euro recuava 0,38%, a US$ 1,0668. E a libra perdia 0,52%, a US$ 1,2222. (Téo Takar)

Veja Também