Morning Call

Desastre no RS entra na pauta do Copom

Atualizado 06/05/2024 às 23:56:56

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/12/MC6-6-scaled.jpg

Por Rosa Riscala e Mariana Ciscato*

[07/05/24]

… Com a agenda esvaziada lá fora, os mercados em NY devem manter o entusiasmo com o início dos cortes do juro em setembro, atentos às falas dos Fed boys. Hoje é a vez de Neel Kashkari/Minneapolis (12h30), depois que seus pares de Richmond e NY assumiram uma mensagem mais alinhada a Powell, nesta 2ªF. Aqui, o Copom faz a primeira reunião para a Análise da Conjuntura, que baseará sua decisão para a Selic amanhã. Certamente, os eventuais impactos do desastre climático no Rio Grande do Sul serão discutidos, não apenas sob a ótica fiscal, mas também como pressão inflacionária com a esperada alta dos alimentos. Nenhum indicador está previsto. Já a agenda dos balanços segue movimentada, com Embraer (pré) e Carrefour Brasil, Engie, GPA, Prio, Raia Drogasil e Telefônica/Vivo (pós).

… Nesta 2ªF à noite, os resultados de Itaú Unibanco vieram em linha com o esperado, com lucro de R$ 9,703 bilhões, alta de 15,8% ante o 1Tri/23, mas o baixo crescimento da carteira de crédito (2,8%), segundo analistas, desperta preocupação com as margens.

… Depois de a ação de Itaú PN subir na B3, o ADR no after hours em NY operou estável. Confira abaixo no Em tempo… os balanços que foram divulgados ontem à noite e mais notícias sobre as companhias abertas.

… Ainda ontem à noite, a Câmara aprovou o projeto de decreto legislativo (PDL) anunciado pelo presidente Lula para acelerar a liberação de recursos para a recuperação dos estragos causados pelas enchentes no Rio Grande do Sul. Segue para o Senado.

… Arthur Lira apelou ao plenário para o “momento de união nacional” e disse que foi “chocante” o que viu na viagem que fez ao Estado no domingo, afirmando que o Congresso dará “com muita rapidez” as respostas para desburocratizar o envio de verbas.

… O PDL autoriza que a liberação de créditos extraordinários para o Rio Grande do Sul seja feita fora da regra fiscal. Foi a saída encontrada pelo Ministério da Fazenda para garantir que a meta fiscal de déficit zero não precisasse ser alterada.

… Se houvesse apenas a edição de uma medida provisória (MP) prevendo a liberação de crédito extraordinário, sem o PDL, como chegou a ser cogitado, os valores ficariam fora do limite de despesas, mas impactariam a meta de resultado primário.

… Por outro lado, uma nova PEC de Guerra, a exemplo do que foi feito na pandemia da Covid19, poderia trazer uma série de flexibilizações além da liberação dos recursos. Daí a decisão do presidente Lula de anunciar rapidamente a opção pelo decreto legislativo.

… Mais cedo, o líder do governo na Câmara, José Guimarães, disse que os deputados tomarão outras medidas de excepcionalização para a reconstrução do RS, mas garantiu que “as regras fiscais vão ser exclusivamente flexibilizadas para atender o Estado”.

… No mercado, a despeito do apoio indiscutível ao socorro do governo federal para o Estado, a imprevisibilidade do impacto financeiro às contas públicas causa alguma apreensão, em meio a uma situação fiscal que já era considerada frágil.

EFEITOS NA INFLAÇÃO – Em paralelo, os economistas começam a projetar os efeitos da alta dos preços dos alimentos sobre a inflação. Extensa reportagem do Broadcast apurou que a tragédia climática deve elevar o IPCA/2024 em, pelo menos, 0,10 ponto porcentual.

… Itens como soja, leite, frutas e, principalmente, arroz devem ser os mais afetados. Além da perda de parte da safra, as chuvas causaram prejuízos à logística do Rio Grande do Sul, o que deve dificultar o escoamento da produção e limitar ainda mais a oferta.

… A estrategista de inflação da Warren Investimentos, Andréa Angelo, lembrou que, em 2008, em razão de um ciclone subtropical no Rio Grande do Sul que prejudicou a produção de arroz, o preço no atacado subiu 57% e demorou cinco meses para voltar.

… A economista também prevê pressão na inflação de curto prazo de itens como gasolina, proteínas e parte dos alimentos in natura.

… João Fernandes (Quantitas) está mais pessimista e estima que o efeito das chuvas no RS pode causar uma alta adicional de 0,20 pp no IPCA em um “cenário conservador”. “Em um cenário de maior estresse, a perda da safra de arroz pode ser de até 20%.”

… Outros economistas concordam que será inescapável um impacto sobre a inflação e esperam o efeito no IPCA de junho e de julho.

COPOM – Diante do imponderável, as dúvidas e incertezas sobre a extensão do desastre no Rio Grande do Sul colocam na mesa do Banco Central um novo fator de cautela, dando força à tese que já vinha majoritária de uma redução no ritmo de quedas da Selic.

… Já nesta 2ªF, a curva de juros futuros adicionou prêmios de risco, desprezando a queda das taxas dos Treasuries, enquanto o Ibovespa operou descolado dos ganhos em NY e o dólar se manteve nos níveis do último fechamento.

… Se, de um lado, o cenário externo teve um súbito alívio com o enfraquecimento do payroll, autorizando apostas para o corte de juro em setembro nos EUA, de outro, as coisas ficaram mais complicadas e imprevisíveis no Brasil (leia abaixo).

SEM AGENDA – O único indicador previsto para hoje, a balança comercial de abril, teve a divulgação adiada pela Secretaria de Comércio Exterior. Os dados sairão amanhã (4ªF), quando também serão informados o IGP-DI de abril e as vendas do varejo em março.

… Lula dá entrevista (9h) ao programa Bom Dia, Presidente, da EBC, e deve tratar da ajuda ao Rio Grande do Sul.

… Na Europa, saem as vendas no varejo na zona do euro (8h) e os balanços de Unicredit, BP e UBS. Em NY, saem os dados do crédito ao consumidor (16h). O presidente do Fed de Minneapolis, Neel Kashkari, fala às 12h30 e Walt Disney divulga balanço.

GUERRA – As Forças de Defesa de Israel anunciaram o início dos ataques e operações contra alvos do Hamas em Rafah, cidade no sul da Faixa de Gaza, após o Hamas aceitar a proposta de cessar-fogo elaborada pelo Egito e pelo Catar.

… O escritório do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou que a proposta “está longe das demandas essenciais” de Israel, mas que ainda enviaria negociadores para discutir o acordo, apesar do início das operações militares no sul de Gaza.

O PREÇO DA TRAGÉDIA – Sem saber ainda quanto vai custar a ajuda da União ao Rio Grande do Sul e seu impacto nas contas públicas, o mercado doméstico operou descolado do otimismo no exterior, nesta 2ªF.

… Às vésperas do Copom, as incertezas pesaram sobre os juros futuros, que penalizaram setores mais sensíveis na bolsa.

… E ainda há no cenário a possibilidade de piora da inflação via preços de alimentos por causa da perda da safra no Estado. Cálculos preliminares de algumas casas no mercado, como você viu acima, são de um impacto de +0,10pp no IPCA de 2024.

… Quem ainda esperava um corte de 0,50pp da Selic, considerando a melhora do IPCA com a desaceleração dos serviços e núcleos comportados, teve uma surpresa adicional, com a alta das expectativas de inflação na Focus, de 3,53% para 3,64%.

… A mediana para a Selic ao fim deste ano avançou de 9,50% para 9,63%. A de 2025 seguiu em 9%.

… Na B3, o juro para Jan25 subiu a 10,230% (de 10,146%) e o Jan26, a 10,450% (de 10,320%). Jan27 avançou a 10,765% (de 10,624%); Jan29, a 11,270% (de 11,140%), Jan31, a 11,480% (de 11,377%) e Jan33, a 11,570% (de 11,470%).

… Não serviram de alívio as contas do setor público consolidado, que mostraram superávit de R$ 1,177 bilhão em março, ante uma expectativa de déficit de R$ 1,7 bilhão. O resultado, segundo analistas, foi puxado pelos governos regionais.

… O risco fiscal manteve o dólar à vista em leve alta, com fechamento a R$ 5,0741 (+0,08%).

… Sem ímpeto para seguir NY, o Ibovespa também ficou perto da estabilidade (-0,03%, 128.465,69), com giro fraco, de R$ 18,3 bilhões. A ação da Braskem foi destaque, com um tombo de 14,53%, após a Adnoc, de Abu Dhabi, desistiu de comprar a fatia da Novonor.

… A expectativa de alta do preço do milho em função da tragédia no Rio Grande do Sul pressionou os frigoríficos.

… Marfrig caiu 4,92%, seguido por Minerva (-3,69%), esse último também pressionado pelo rebaixamento de recomendação de compra para neutra pelo BTG. BRF perdeu 3,23% e, na contramão, JBS fechou positiva (+0,08%).

… Os principais bancos ficaram sem direção única. Itaú subiu 0,62% (R$ 32,40), antes do balanço. BB ganhou 0,57% (R$ 28,38). Santander fechou estável (R$ 29,60). Bradesco ON (-1,36%; R$ 12,32) e Bradesco PN (-0,07%; R$ 13,77) ficaram no vermelho.

… Petrobras ON (+0,50%; R$ 42,22) e PN (+0,68%; R$ 40,16) e Vale (+0,30%; R$ 64,18) subiram, seguindo os ganhos de suas respectivas commodities. O Brent subiu 0,45%, a US$ 83,33 por barril, na ICE, e o minério de ferro avançou 2,63% em Dalian.

… Petz liderou as altas (+4,11%, R$ 5,07), seguida de Grupo Pão de Açúcar, +2,65% (R$ 3,48) e SLC Agrícola, +1,53% (R$ 18,59).

AINDA O PAYROLL – A expectativa de corte de juro pelo Fed neste ano reforçada pelo payroll continuou a animar investidores em NY, e as bolsas fecharam em alta pelo terceiro pregão consecutivo.

… As declarações de dirigentes do Fed no dia, mantendo alguma cautela, não nublaram o otimismo. Thomas Barkin (Richmond) disse esperar que os juros nos níveis atuais desacelerem ainda mais a economia e esfriem a inflação para a meta de 2%.

… O mercado de trabalho firme nos EUA, afirmou, dá tempo para que o Fed ganhe confiança na trajetória de queda da inflação.

… Para John Williams (NY), eventualmente haverá cortes nas taxas – mas a decisão sobre o timing vai depender dos dados.

… Boas notícias corporativas também deram impulso aos índices.

… A fabricante de chips Micron Technology subiu 4,7% depois que a Baird elevou sua recomendação. Super Micro Computer (+6,1%) e Advanced Micro Devices (+3,4%) subiram bem e Arm Holdings avançou 5,2% na expectativa de um bom balanço nesta semana.

… Na liderança do dia, o Nasdaq subiu 1,19% (16.349,25 pontos). Dow Jones, +0,46% (38.852,27). E S&P500, +1,03% (5.180,74).

… Nos Treasuries, o juro da Note-2 anos subiu a 4,830%, de 4,8192%, e o da Note-10 anos caiu a 4,488%, de 4,5138%. E no câmbio, o DXY ficou estável (+0,02%) em 105,051 pontos, com duas das principais moedas rivais do dólar sem grandes variações.

… O feriado no Reino Unido diminuiu os negócios e a libra teve alta marginal de 0,07% (US$ 1,2561). O euro ficou estável em US$ 1,0770 e o iene caiu 0,69%, a 153,93/US$, continuando a devolver as altas recentes, quando houve rumor de intervenção do BoJ.

… Na zona do euro, o PPI caiu 7,8% na comparação anual de março, um pouco mais que os 7,7% previstos, animando a confiança numa queda próxima dos juros. Dois dirigentes do BCE fizeram declarações positivas apontando para junho.

… Boris Vujcic argumentou que os dados justificam cortes de taxas, embora a política monetária deva continuar restritiva. Já Phillip Lane, economista-chefe, disse estar mais confiante que a inflação caminha para a meta oficial de 2% desde a reunião de abril.

EM TEMPO… ENAUTA anunciou ontem à noite lucro líquido de R$ 209 milhões no 1Tri, um salto de 77% ante o 1Tri/23. Já o Ebtida somou R$ 618 milhões, um crescimento de 81,2% na comparação anual, e a receita líquida aumentou 83%, para R$ 816 milhões.

TIM registrou lucro líquido normalizado de R$ 519 milhões no 1TRI, alta de 19% na comparação anual; Ebitda normalizado somou R$ 2,890 bilhões, crescimento de 10,7% em relação ao mesmo período de 2023.

REDE D’OR registrou lucro líquido de R$ 840,3 milhões no 1TRI, alta de 176,6% na comparação anual; Ebitda ajustado somou R$ 2,18 bilhões, avanço de 35% em relação ao mesmo período de 2023.

CCR teve lucro líquido ajustado de R$ 449 milhões no 1TRI24, alta de 41,5% s/ 1TRI23; Ebitda ajustado aumentou 4,6%, para R$ 2,06 bi.

TEGMA teve lucro líquido de R$ 37,5 milhões no 1TRI24, alta de 8% s/ 1TRI23.

VIVARA registrou lucro líquido de R$ 35,8 milhões no 1TRI, queda de 7,2% na comparação anual; Ebitda somou R$ 80,1 milhões, ficando estável em relação ao mesmo período de 2023.

GUARARAPES registrou prejuízo líquido de R$ 117 milhões no 1TRI, queda de 33,4% na comparação anual; Ebitda somou R$ 211,8 milhões, alta de 142,1% em relação ao mesmo período de 2023.

PAGUE MENOS registrou prejuízo líquido de R$ R$ 36,9 milhões no 1TRI, redução de 41,2% na comparação anual; Ebitda ajustado somou R$ 96,9 milhões, alta de 77,5% em relação ao mesmo período de 2023.

CBA registrou prejuízo líquido de R$ 30 milhões no 1TRI e reverte lucro líquido apurado um ano antes; Ebitda ajustado somou R$ 146 milhões, alta de 74% em relação ao mesmo período de 2023.

PETROBRAS reiterou que não há decisão a respeito de sua participação na Braskem e disse seguir com due dilligence na petroquímica para eventual exercício de tag along. Companhia doará R$ 5,6 milhões para auxiliar vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul.

… Também SANTANDER anunciou medidas para clientes do Rio Grande do Sul, como redução em até 20% de juros de crédito pessoal.

PRIO. Produção de petróleo atingiu 92,8 mil barris de óleo equivalente por dia (boepd) em abril, avanço de 7,7% em relação a março, segundo dados preliminares.

COSAN. Bank of America (BofA) reduziu preço-alvo da ação da empresa de R$ 32 para R$ 23, mantendo recomendação de compra; banco considera o papel uma boa opção de longo prazo, visto o seu potencial de crescimento.

WEG informou que vai dar continuidade ao planejamento para participar do mercado de geração eólica nos EUA, utilizando sua fábrica de motores e geradores de alta tensão localizada em Mineápolis, no Minnesota, para também fabricar sua plataforma de aerogeradores.

AMERICANAS. Comitê Independente para apurar fraude na empresa divulgou cronograma de conclusão das investigações, previstas para serem encerradas nos primeiros meses do segundo semestre deste ano.

CVC. Conselho de Administração elegeu Felipe Pinto Gomes como novo diretor financeiro e de RI, substituindo José Carlos Wollenweber Filho.

IGUATEMI aprovou a abertura de novo prazo, entre 10/5 e 10/6, para conversão de ações ON em PN, para formação de units.

DEXCO suspendeu temporariamente operações na unidade do município gaúcho de Taquari.

AOS ASSINANTES DO BDM, BOM DIA E BONS NEGÓCIOS!

*com a colaboração da equipe do BDM Online

AVISO – Bom Dia Mercado, produzido pela Mídia Briefing, não pode ser copiado e/ou redistribuído.

Veja Também