Giro dos Mercados

Commodities em alta e rali no exterior levam Ibovespa de volta aos 119 mil pontos

Atualizado 13/07/2023 às 12:02:31

O clima é de risco nos mercados em sessão de agenda doméstica esvaziada e exterior reagindo positivamente aos dados de inflação melhores que o previsto nos EUA, além da expectativa pelo início da temporada de balanços americana, que traz os relatórios dos grandes bancos amanhã.

O Ibovespa saiu dos 117.670,79 pontos na abertura para 119.486,48 há pouco (+1,55%), puxado por Wall Street e ações ligadas a commodities, a despeito das fortes oscilações do petróleo.

Em NY, Dow sobe 0,11%, o S&P +0,51% e Nasdaq +0,98%, com as big techs liderando. Indicadores desta semana apoiaram a visão de que o Fed vai subir juros em julho (25 pb), mas vai parar por aí neste ciclo.

Canceladas as apostas em continuidade do aperto, os rendimentos dos Treasuries recuam, acompanhando o dólar fraco no exterior. O DXY chegou a bater 99,970 na mínima (há pouco, -0,47%, a 100,045). Aqui, a moeda cede 0,20%, a R$ 4,8086, e os juros futuros têm alta moderada a partir de Jan/25. (Ana Katia)

Veja Também