Empresas

CCR avança após governo paulista reconhecer desequilíbrio financeiro na concessão da Viaquatro na pandemia

Atualizado 01/12/2023 às 19:10:29

Ações da CCR (CCRO3) avançavam, há pouco, 2,14%, a R$ 13,83, no dia seguinte ao governo paulista reconhecer um desequilíbrio econômico-financeiro no contrato de concessão da sua controlada direta ViaQuatro, concessionária da Linha 4 do Metrô paulistano, por perda de receita durante a pandemia da Covid-19. O valor bruto do rombo é de aproximadamente R$ 682,6 milhões.

Analistas consideram que o reequilíbrio já era esperado, em função de outros casos semelhantes já analisados e julgados, mas, ainda assim, a confirmação do montante devido e a eminência de seu pagamento são positivos para a CCR.

Veja Também