Ibovespa

Braskem volta a liderar baixas com emergência em Alagoas; Klabin, rebaixada por Itaú BBA, perde 4%

Atualizado 01/12/2023 às 11:22:30

O papel da Brasken (BRKM5 -7,63%, R$ 17,67) lidera as perdas no Ibovespa pela segunda sessão consecutiva após decretação de emergência de 180 dias em Maceió (AL), pela prefeitura, por risco de colapso da área da mina 18 de sal-gema. O solo ainda se movimenta, disse a empresa mais cedo. Klabin (KLBN11 -4,16%, R$ 21,64) cai após ter recomendação rebaixada de neutra para venda pelo Itaú BBA, que vê papel pouco atraente e “fluxo de caixa limitado à frente”. Suzano (#SUZB3 -2,83%, R$ 32,26) também está entre as maiores perdas. Empresa anunciou hoje JCP de R$ 1,5 milhão e estimou o investimento de capital em R$ 14,6 bilhões no ano que vem. (BDM Online + agências)

Veja Também