Europa

Bolsas europeias perdem fôlego após Lagarde hawkish; otimismo com China limita perdas

Atualizado 27/06/2023 às 07:16:38

As bolsas de Londres e de Frankurt operavam em território negativo após um duro pronunciamento, há pouco, da presidente do BCE, Christine Lagarde. Além de reforçar que os juros europeus devem subir de novo em julho, ela disse que o ciclo de aperto está longe de atingir um nível suficientemente restritivo para baixar a inflação. Lagarde volta a falar amanhã, ao lado do presidente do Fed, Jerome Powell.

As perdas europeias eram limitadas pela volta do otimismo com possíveis estímulos de Pequim à economia chinesa, puxando altas no setor financeiro e empresas de bens de luxo.

Os futuros de Nova York sinalizavam recuperação antes da divulgação de indicadores de encomendas, imobiliários e de confiança do consumidor, mas jogam contra o petróleo volátil, que passou a cair na última hora apesar da fraqueza do dólar, e um novo endurecimento do discurso do presidente russo, Vladimir Putin, contra os rebeldes que ameaçaram seu poder no fim de semana. Confira os índices perto das 7h:
(Lucia Boldrini + agências)

▪️ Londres — FTSE100: -0,03%
▪️ Frankfurt — DAX: -0,09%
▪️ Paris — CAC 40: -0,06%
▪️ Madrid — Ibex 35: +0,44%
▪️ Europa — Stoxx 600: -0,25%

Veja Também