Europa

Bolsas europeias caem com dados da China; LVMH e Hermès lideram quedas no setor de luxo

Atualizado 17/07/2023 às 13:44:49

As bolsas europeias fecharam em queda com dados econômicos fracos da China no 2TRI atingindo o sentimento de risco. Empresas de artigos de luxo como LVMH (-373%) e Hermès (-4,21%) foram derrubadas pela desaceleração nos gastos do consumidor e problemas contínuos no mercado imobiliário, levando Pequim a fazer mais para apoiar a recuperação.

Ainda assim, estrategistas de mercado disseram esperar que os investidores permaneçam cautelosos nas apostas de estímulo. “Se os formuladores de políticas chinesas estivessem dispostos a se engajar no tipo de estímulo fiscal amplo e agressivo que caracterizou a década pós-crise, já o teriam feito”, disse James Athey, diretor de investimentos da Abrdn. “A relação está mudando de uma forma que não é boa para a Europa em várias facetas.”

O foco agora está na temporada de resultados, com os analistas esperando o maior declínio ano a ano nos lucros europeus desde 2020. No fechamento: Frankfurt -0,19%; Londres -0,36%; Paris -1,12%; Madri -0,10%; Stoxx 600 -0,61% (458.02). (BDM Online + agências)

Veja Também