Express

BDM Express: Ata do Copom vem alinhada com Fed mais cauteloso

Atualizado 06/02/2024 às 06:14:26

Mais quatro Fed boys têm falas previstas para hoje, três deles com o mercado aberto, e devem reforçar a mensagem de Powell que esvaziou as apostas de corte do juro em março e colocou maio em dúvida. Já nesta 2ªF, dirigentes do BC dos EUA foram nesta direção, precipitando ajustes das posições mais otimistas. As novas perspectivas do cenário externo fortalecem argumentos da ata do Copom, que será divulgada às 8h, confirmando o ritmo mais cauteloso do ciclo de quedas da Selic.

Campos Neto (9h) e Haddad (9h40) participam de evento do BTG Pactual, enquanto o Ibovespa repercute o balanço em linha de Itaú, que cedeu 0,58% no after hours em NY. Já a bronca de Lira na reabertura do Congresso não deve assustar, à medida que tanto ele como Lula mostram disposição para o diálogo.

O presidente da Câmara foi ostensivo ao manifestar a insatisfação com o governo, após o presidente ter vetado os R$ 5,6 bilhões em emendas, no mês passado. Comentaristas de política foram unânimes em avaliar que Lira mandou um “recado” para Lula.

Já Lula enviou mensagem os deputados e senadores (lida por Rui Costa) pedindo diálogo. Segundo o Globo, o presidente avalia recompor parte do veto de R$ 5,6 bilhões em emendas de comissão, diretamente para os ministérios.

ITAÚ – Veio em linha com o esperado o lucro líquido de R$ 9,4 bilhões no 4Tri/23, com crescimento de 22,6% em relação ao 4Tri/22 e de 4% na margem, sobre o 3Tri/23. No ano passado, o lucro do Itaú atingiu R$ 35,6 bilhões, aumento de 15,7% sobre 2022.

MAIS ATA – Embora o comunicado do Copom tenha vindo praticamente sem novidades em relação ao anterior, economistas do mercado esperam mais detalhes sobre o fiscal, a projeção para a inflação de 2025 e o mercado de trabalho na ata de hoje.

REONERAÇÃO DA FOLHA – Líderes do Congresso se reunirão hoje com Haddad (16h30) para debater nova proposta de reoneração da folha que a Fazenda pretende enviar por meio de um PL. Ao Valor, o líder Randolfe Rodrigues explicou que o governo está disposto a adotar a iniciativa que confirma o acordo entre Pacheco e Haddad firmado em 15 de janeiro.

MAIS AGENDA – Além da ata do Copom, o mercado acompanha o relatório Focus (8h25) e o IGP-DI de janeiro (8h), que deve trazer taxa negativa. Às 8h30, o Banco Central divulga a nota de crédito de dezembro. Lá fora, a Alemanha divulga encomendas à indústria (4h) e a zona do euro, as vendas no varejo (7h), ambas de dezembro.

Nos EUA, Loretta Mester (Fed/Cleveland) fala às 14h; Neel Kashkari (Fed/Minneapolis), às 15h; e Susan Collins (Fed/Boston), às 16h. À noite (21h de Brasília), o presidente do Fed/Philadelphia, Patrick Harker, discursa no Rowan Institute for Public Policy & Citizenship.

BALANÇOS – BP (Reino Unido) reporta resultado antes da abertura; após o fechamento saem UBS (Suíça) e Ford (EUA). Aqui, também após o fechamento, tem TIM Brasil, com expectativa de lucro líquido de R$ 847 milhões e Ebitda de R$ 3,156 bilhões.

O BDM Express é a versão resumida do BDM Morning Call, referência da pré-abertura do mercado financeiro há 20 anos. Conheça todos os produtos do Bom Dia Mercado.

Veja Também