Fechamento dos Mercados

Balanços ganham queda de braço com payroll e levantam NY; Ibovespa tem queda generalizada

Atualizado 02/02/2024 às 18:23:31

https://www.bomdiamercado.com.br/wp-content/uploads/2023/11/bolsa-queda.jpg

[02/02/24] Da Redação do Bom Dia Mercado

As bolsas nos EUA apontaram ganhos nesta 6ªF e consolidaram alta na semana, com S&P 500 e Dow Jones registrando novos recordes históricos de fechamento. O avanço foi impulsionado por balanços, sobretudo de big techs como Meta (+20,32%), que anunciou os primeiros dividendos de sua história, e Amazon (+7,87%).

O cenário corporativo sobressaiu em relação aos números do payroll de janeiro, que se mostraram muito acima do esperado. Com ganhos nos salários e a revisão para cima da criação de vagas de novembro e dezembro, os rendimentos dos Treasuries dispararam e o dólar se fortaleceu.

O payroll enterrou as chances do Fed iniciar os cortes de juros em março e levantou dúvidas sobre a possibilidade da autoridade monetária começar em maio.

O índice Dow Jones subiu 0,35%, aos 38.654,62 pontos. O S&P 500 ganhou 1,07%, aos 4.958,59 pontos. E o Nasdaq avançou 1,74%, aos 15.628,95 pontos.

Por aqui, o Ibovespa sentiu os dados americanos e caiu de forma generalizada, com commodities liderando as perdas.

Mais cedo, o IBGE apontou que a produção industrial de dezembro surpreendeu ao subir 1,1% sobre novembro e contrariou a expectativa de queda de 0,5%.

O Ibovespa fechou em queda de 1,01%, aos 127.182,25 pontos, com volume de R$ 23,7 bilhões. O dólar à vista teve alta de 1,07%, a R$ 4,9683. Na semana, o índice acumulou baixa de 1,38%, enquanto a moeda subiu 1,17%. (Eduardo Saraiva)

Veja Também