Morning Call

Ata do Fed e noticiário de Brasília dividem atenções

Atualizado 21/11/2023 às 01:20:33

Por Rosa Riscala e Mariana Ciscato*

[21/11/23]

… A ata do Fomc (16h) e a reabertura dos mercados na Argentina, no primeiro pregão após a eleição de Javier Milei, são os destaques no exterior, em mais um dia de agenda esvaziada de indicadores. Em Buenos Aires, a expectativa é de reação inicial positiva, mas muita volatilidade no câmbio. Já em NY, vai ser difícil o Fed convencer os investidores de que não encerrou o aperto dos juros, por mais que ele insista em não se comprometer com esse guidance. As projeções de manutenção da taxa em dezembro e em janeiro atingem quase 100% na CME. Aqui, toda a atenção está voltada para Brasília, onde a CAE do Senado pode apreciar o PL que taxa os fundos exclusivos e offshores, enquanto há a expectativa pela decisão de Lula sobre o veto à desoneração da folha e a crise com o presidente da Petrobras.

… A agenda do presidente para hoje prevê uma reunião com Jean Paul Prates e os ministros Alexandre Silveira e Rui Costa, que estariam pedindo a sua cabeça. Haddad também está convocado para a conversa no Palácio do Planalto, às 15h.

… Nesta 2ªF, notícia no site do Globo apontou que Costa apresentaria nesta semana a Lula uma sugestão de substituto para o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, com quem trava uma guerra interna no governo há vários meses.

… Costa quer nomear Marcus Cavalcanti, secretário do Programa de Parceria de Investimentos (PPI) e que foi secretário de infraestrutura da Bahia em sua gestão como governador do Estado, para presidir a estatal. Nessa empreitada, conta com o apoio de Silveira.

… Há poucos dias, o ministro das MME defendeu que a Petrobras acelerasse a queda dos preços dos combustíveis, ao que Prates rebateu no Twitter, afirmando que, para isso, a União deveria informar, com transparência, o subsídio que está disposta a bancar.

… O mercado nunca amou Prates, mas diante dos ruídos, teme que a coisa possa ficar mais feia em termos de ingerência política.

… Assim, as ações de Petrobras zeraram os ganhos no pregão de ontem (abaixo), apesar da alta do petróleo, e contribuíram para impedir o Ibov de consolidar os 126 mil pontos, em meio à forte animação com o exterior.

… “O papel estava subindo mais cedo, mas não acompanhou mais a valorização do petróleo, já que as incertezas em relação aos rumos da companhia seguram o desempenho”, disse ao Broadcast o economista-chefe da Messem Investimentos, Gustavo Bertotti.

… Rui Costa volta a criar caso no governo, depois que Haddad conseguiu vencer o primeiro round na briga pelo déficit zero.

… Mas, segundo a Reuters, o próprio presidente Lula não estaria satisfeito com a atuação de Prates, a quem pediu mudanças no plano de investimentos da Petrobras, que tem previsão de ser divulgado ainda neste mês.

… Já o ministro da Fazenda vai, aos poucos, comendo pelas beiradas, como no caso do projeto de desoneração da folha de pagamentos, que a equipe econômica quer vetar, em mais um esforço de elevar as receitas e cumprir as regras do arcabouço.

… A desoneração da folha, aprovada pelo Congresso para 17 setores da economia, custa R$ 9 bilhões por ano para a União.

… Lula tem até 5ªF para vetar ou sancionar o projeto e, segundo a Coluna do Estadão, estaria inclinado a atender ao pedido da Fazenda. O presidente deu essa indicação em reunião, nesta 2ªF, com Haddad, Rui Costa e Jorge Messias (AGU).

… O Congresso não vai gostar nada do veto e sempre pode derrubar, mas o governo confia que os parlamentares estão no modo eleição, ajudando a aprovar o aumento da arrecadação para não correr o risco de verem cortadas as suas emendas.

TAXAÇÃO DOS FUNDOS – Relator do projeto de tributação dos fundos offshores e exclusivos, Alessandro Vieira (MDB) apresentou o seu parecer à Comissão de Assuntos Econômicos, nesta 2ªF, sem alterações de mérito. A matéria deve ser votada hoje na CAE.

… Alessandro fez apenas ajustes de redação ao texto da Câmara e, se for aprovado, o projeto pode ir direto à sanção presidencial.

APOSTAS ESPORTIVAS – O relator no Senado do projeto que regulamenta apostas esportivas e legaliza os jogos de azar online, o senador Angelo Coronel, vai apresentar hoje um parecer que modifica diversos pontos em relação ao texto aprovado na Câmara.

… A nova versão reduziu de 18% para 12% a alíquota de tributação que as empresas do setor (BETS) irão pagar, com a cobrança incidindo sobre a receita bruta das empresas, e de 30% para 15% o imposto de renda do apostador, segundo apurou o Valor.

… Se o parecer de Coronel for aprovado pelo Senado, o texto terá que voltar para a análise dos deputados. As mudanças contam com o apoio da Fazenda, que aponta essa matéria como prioridade para aumentar a arrecadação.

ORÇAMENTO – O líder do governo no Senado, Randolfe Rodrigues, apresentou emenda ao projeto da LDO de 2024 limitando o valor que pode ser bloqueado pelo Executivo a R$ 23 bilhões, segundo informação no site do Globo.

… A emenda será analisada pelo relator, deputado Danilo Forte (União), que deve apresentar o parecer final entre hoje e amanhã.

… A equipe econômica passou a ter uma interpretação diferente do arcabouço fiscal, fazendo a combinação de duas regras para os cortes: uma que coloca um piso de 0,6% para o aumento das despesas e outra que limita a 25% o bloqueio das despesas discricionárias.

… Essas duas regras juntas limitam os bloqueios a algo em torno de R$ 23 bilhões, segundo o ministro Fernando Haddad, bem abaixo dos R$ 53 bilhões estimados por especialistas do mercado financeiro.

CADE – O presidente Lula oficializou no Diário Oficial as indicações para as vagas no Conselho Administrativo de Defesa Econômica: José Levi, Camila Cabral, Diogo Thomson e Carlos Jacques, que terão que ser aprovados pelo Senado.

MAIS AGENDA – Saem a prévia do IGP-M (8h) e a nova edição do Boletim Macrofiscal da Fazenda (14h), com projeções para indicadores macroeconômicos, como a inflação e o PIB, após os recentes dados fracos.

CAMPOS NETO – O presidente do Banco Central faz palestra (16h) em painel do Fórum de Brasília, promovido pela Arko Advice. No final do dia (19h), RCN concede entrevista, por videoconferência, à TV Bloomberg.

HADDAD – O ministro da Fazenda participa (10h) do Congresso de Direito Tributário e Aduaneiro da Receita Federal, com transmissão pelo YouTube https://www.youtube.com/watch?v=UpvAdDFcSDE

… Antes (8h30), Haddad estará junto a Lula na live semanal “Conversa com o Presidente”, para falar do Desenrola.

PARCELO, SIM – Um grupo de 11 entidades do varejo e de defesa do consumidor lança hoje uma campanha nacional pela manutenção do parcelamento sem juros no cartão de crédito, batizada de “Parcelo, sim!”.

… A ideia é engajar milhões de pessoas em um abaixo-assinado coletivo, que disponibiliza um link para consumidores colocarem nomes e e-mails, com o objetivo de sensibilizar Executivo e Legislativo a não apoiarem restrições a essa modalidade de crédito.

… Entre as entidades que promovem a campanha, estão: Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Associação Brasileira dos Lojistas Satélites de Shoppings (Ablos), Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, Fecomercio-SP e Sebrae.

… O abaixo-assinado pode ser acessado neste link: https://parcelosim.com.br/

AMERICANAS – Pode fechar hoje acordo entre acionistas e bancos credores para capitalização da companhia, de cerca de R$ 24 bilhões.

… Segundo a Folha, o arranjo prevê que Itaú, Santander, Bradesco e BB, entre outros, convertam parte de seus créditos de R$ 19,5 bilhões em até R$ 12 bilhões em ações. Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira colocarão até R$ 12 bilhões.

LÁ FORA – Antes da ata do Fed, nos EUA, saem a atividade nacional de outubro (10h30), medida pelo Fed de Chicago, além das vendas de moradias usadas em outubro (12h). Lagarde/BCE (13h) e Bailey/BoE (7h15) falam.

GUERRA – Um encontro de emergência virtual entre líderes do Brasil, Rússia, Índia, China, África do Sul e os membros do Brics+ aceitos neste ano acontecerá hoje para discutir os confrontos geopolíticos no Oriente Médio.

… Tanto o presidente russo, Vladimir Putin, quanto o presidente chinês, Xi Jinping, confirmaram presença e podem se pronunciar.

ARGENTINA – Federico Sturzenegger é o nome mais cotado para assumir o Ministério da Economia de Javier Milei, segundo apuração do Todo Noticias. Ele foi presidente do BC entre 2015 e 2018, durante o governo de Mauricio Macri.

… Outros candidatos seriam Demian Reidel, economista próximo a Sturzenegger, e Guillermo Nielsen, ex-presidente da petrolífera YPF.

… Nas primeiras falas como presidente eleito, Milei confirmou os planos de privatizar a YPF, a TV Pública, a Rádio Nacional e a agência de notícias Télam, além de acabar com o Banco Central argentino. Disse que a inflação deve demorar dois anos para ceder.

MERCOSUL – Após a vitória de Milei, Lula telefonou ontem para a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, para tentar fechar o acordo UE-Mercosul no próximo encontro dos países do bloco, marcado para o início de dezembro.

… Também a União Europeia está interessada em antecipar o acordo antes da posse de Milei, segundo o Financial Times.

… A expectativa é de que Lula não compareça à posse de Milei, no dia 10 de dezembro, mas deve ser representado pelo vice, Geraldo Alckmin, ou pelo chanceler Mauro Vieira. Bolsonaro já confirmou presença.

CORRIDA COM OBSTÁCULO – Em novo rali, o Ibovespa subiu mais de mil pontos ontem e testou os 126 mil pontos na máxima (126.162,01), mas neste ponto bateu na resistência gráfica a ser vencida, dos 126,2 mil.

… Completando o quarto pregão seguido de alta, o índice à vista (+0,95%) fechou a 125.957,06 pontos, com giro de R$ 23,2 bi. Petrobras ajudou a afastar o Ibov do pico, em meio aos ruídos em torno da troca de comando.

… A articulação política para derrubar Prates levou os papéis da estatal (ON, -0,33%, R$ 39,39; e PN, +0,08%, R$ 36,74) a desperdiçarem a alta de mais de 2% do petróleo, que antecipa novos cortes na oferta pela Opep+.

… Após o barril ter atingido mínima de quatro meses (US$ 77) semana passada, fontes apontam que os sauditas vão prolongar o corte de 1 milhão de bpd pelo menos até a primavera do Hemisfério Norte (março a junho).

… A expectativa é de que o tema seja discutido na reunião do cartel e seus aliados, no próximo domingo. Na contagem regressiva para o encontro, o contrato do Brent para janeiro avançou 2,12%, cotado a US$ 82,32.

… Ainda entre as commodities, sinalizações do governo da China para acelerar os projetos de infraestrutura e promessas de apoio ao setor imobiliário sustentaram o minério (+0,47%) e repercutiram positivamente por aqui.

… O BofA projeta o preço do metal em US$ 150 no 1Tri (atualmente está próximo de US$ 135). Citando a visão mais otimista para a cotação, o banco revisou a recomendação para papéis de empresas ligadas ao minério.

… Vale (+2,45%, a R$ 76,06) foi elevada de neutra para compra e CSN (+9,49%), maior valorização do dia no Ibovespa, foi duplamente promovida: subiu direto de underperform (equivalente a venda) para compra.

… Elevada para neutra, CSN Mineração engatou alta de 3,79%. Por outro lado, rebaixadas para neutra pelo BofA, Metalúrgica Gerdau (PN, -4,62%) e Gerdau (PN, -4,33%) lideraram as perdas do Ibovespa no pregão de ontem.

… Em melhora de humor na parte da tarde, Bradesco ON (-0,07%, a R$ 13,73) praticamente zerou as perdas de quase 1% observadas mais cedo, enquanto Bradesco PN virou para o positivo (+0,26%), valendo R$ 15,47.

… Itaú registrou valorização de 0,99%, para R$ 30,75, BB ON avançou 0,53% e Santander unit, +0,36%.

ESTÁ BARATO? – Furado ontem no intraday, o patamar de R$ 4,85 “é muito atrativo”, disse ao Broadcast o analista de câmbio Elson Gusmão, da corretora Ourominas, projetando uma correção hoje do piso informal.

… Segundo ele, pode haver demanda grande de empresas por dólar para fazer remessas de lucros e dividendos. Na última 6ªF, o envio de dinheiro ao exterior já havia puxado a moeda americana para a faixa de R$ 4,90.

… Mas ontem, na sessão de apetite por risco global, o dólar seguiu a tendência externa, acelerou a queda à tarde, tocou mínima a R$ 4,8480 e fechou em baixa de 1,10%, cotado a R$ 4,8517, menor valor em três meses.

… O investidor reduziu posições defensivas no câmbio, sob o efeito combinado da alta das commodities e alívio dos juros dos Treasuries (respondendo a um leilão do Tesouro/EUA e à convicção de que o Fed já pode parar).

… No mercado futuro, o contrato de dólar para dezembro também caiu bem: 1,14%, para R$ 4,8585.

… Não deu, porém, para a curva do DI se alinhar ontem ao dólar menos apreciado e nem à perda de fôlego das taxas dos Treasuries, porque os juros futuros realizaram lucro, depois de três sessões de quedas seguidas.

… No boletim Focus, a mediana das projeções para o PIB deste ano, que já vinha rodando abaixo de 3%, sofreu uma piora adicional, de 2,89% para 2,85%, na sequência da última leitura do IBC-Br (-0,06% em setembro).

… No horizonte da política monetária, a estimativa dos economistas para o IPCA do ano que vem registrou queda marginal (3,92% para 3,91%) e a projeção para a Selic terminal seguiu abaixo de dois dígitos (9,25%).

… No fechamento, o DI jan/25 subiu a 10,480% (de 10,420% na 6ªF); jan/26, 10,200% (de 10,112%); jan/27, 10,330% (de 10,254%); jan/29, 10,740% (de 10,662%); jan/31, 10,950% (10,885%); e jan/33, 11,040% (10,970%).

FALANDO SOZINHOS – NY ignorou mais um alerta hawkish dos Fed boys. Desta vez, foi Thomas Barkin (não vota este ano) quem advertiu que, se inflação americana voltar a aumentar, “será caso de fazer mais nos juros”.

… Para provar que ninguém deu bola, as bolsas em Wall Street subiram e o dólar e taxas dos Treasuries caíram. Na véspera da ata do Fed, os investidores continuaram achando que o trabalho da política monetária acabou.

… Um fator técnico (demanda acima da média em um leilão de bônus) também impediu o rendimento dos títulos do Tesouro de ganharem fôlego. O yield da Note-10 anos fechou em 4,416%, contra 4,434% na 6ªF.

… Apostas contra o dólar levaram o índice DXY a fechar em baixa de 0,46%, aos 103,438 pontos.

… O iene subiu 0,80%, para 148,35/US$. O euro (+0,35%, US$ 1,0948) melhorou com a decisão da Moody´s de elevar o rating de Portugal em dois degraus e a perspectiva para a nota da Itália de negativa para estável.

… A libra esterlina avançou para US$ 1,2511, com comentários do presidente do BC inglês (BoE), Andrew Bailey, em palestra, de que é cedo demais para declarar vitória contra inflação e para pensar em cortar o juro.

… Sem medo da ata do Fed, o índice Dow Jones registrou valorização de 0,58%, para 35.151,04 pontos; o S&P 500 avançou 0,74%, aos 4.547,38 pontos; e o Nasdaq ganhou 1,13%, fechando em 14.284,53 pontos.

… Microsoft (+2,05%) foi destaque de alta, depois da contratação-relâmpago pela empresa de Sam Altman, ex-CEO da OpenAI, que na última 6ªF havia sido demitido pelo conselho da companhia de inteligência artificial.

… Investidores da OpenAI cogitam processar o conselho, após a súbita demissão do CEO, segundo a Reuters.

EM TEMPO… JBS informou que retomou ontem os abates na unidade de bovinos da Friboi na cidade de Diamantino (MT), após incêndio ocorrido em junho.

BANCOS. O Citi afirmou, em relatório, que o BB “ainda é um ótimo risco/retorno”, mas acredita que falte ainda um gatilho positivo para as ações em 2024. Neste sentido, o banco expressou a sua preferência pelo Itaú.

BTG PACTUAL. O Citi elevou o preço-alvo de R$ 32 para R$ 33, mas manteve a recomendação neutra.

B3. Citi reduziu preço-alvo da ação da companhia de R$ 14 para R$ 13,50, mantendo recomendação neutra…

… Segundo o banco, volume financeiro médio diário negociado (ADTV) vinha surpreendendo negativamente desde julho, tendência que só foi quebrada com números melhores em novembro.

SABESP. Citi elevou preço-alvo da ação de R$ 77 para R$ 84, reiterando recomendação de compra; segundo o banco, revisão incorporou maior rentabilidade reportada pela empresa nos últimos trimestres.

CVC informou que valor de bônus de subscrição será de R$ 2,77/ação, a ser creditado aos subscritores amanhã…

… Na 6ªF, o Conselho de Administração vai realizar reunião para homologar o aumento de capital decorrente do exercício dos bônus de subscrição.

TOTVS. O Citi manteve a recomendação de compra para a ação, mas elevou o preço-alvo de R$ 36 para R$ 38.

ENEVA. Aneel aprovou, por unanimidade, postergar data de fim de suprimento dos Contratos de Comercialização de Energia no Ambiente Regulado (CCEAR) da Central Geradora Termelétrica – UTE Porto do Pecém II….

… Nova data é até 2/7/28, configurando aumento de prazo de 246 dias em relação ao prazo anterior, de até 31/12/27….

… Na mesma reunião, Aneel aprovou alteração do término da vigência da outorga da UTE Porto do Pecém II, à qual serão acrescidos 246 dias, passando a vigorar até 27/1/45.

EQUATORIAL fará 2ª emissão de notas comerciais, no valor de R$ 1,3 bilhão.

AOS ASSINANTES DO BDM, BOM DIA E BONS NEGÓCIOS!

*com a colaboração da equipe do BDM Online

AVISO – Bom Dia Mercado, produzido pela Mídia Briefing, não pode ser copiado e/ou redistribuído.

Veja Também