Ásia

Ásia fecha mista após pausa hawkish do Fed e novo corte de juro na China

Atualizado 15/06/2023 às 07:07:25

As principais bolsas asiáticas fecharam sem direção única, com Tóquio indo para a realização de quatro sessões de ganhos depois que o Federal Reserve deixou a taxa de juros inalterada pela primeira vez em 15 meses, prevendo porém mais altas à frente e nada de redução neste ano. Já os mercados ligados à China avançaram com novo corte de juros pelo Banco do Povo Chinês, desta vez em uma linha de empréstimo de um ano, aumentando as apostas de que as taxas principais de um ano e de cinco anos vão cair na segunda-feira (19) à noite.

Vieram fracos os resultados anuais de produção industrial (+3,5%) e varejo (+12,7%) da China em maio, que desaceleraram ante abril (+5,6% e +18,4%, respectivamente).

O investimento em ativos fixos subiu 4% de janeiro a maio, abaixo da previsão (+4,4%) e da leitura anterior (+4,7%). A bolsa de Hong Kong liderou altas, com avanços em todos os setores, especialmente tecnologia, consumo e imobiliárias.

Em Dalian, o minério de ferro subiu 1,43%. Confira o fechamento dos índices:
(Lucia Boldrini, com agências)

▪️Tóquio — Nikkei: -0,05%
▪️Hong Kong — Hang Seng: +2,17%
▪️Taiwan — Taiex: +0,56%
▪️Coreia — Kospi: -0,40%
▪️China — Xangai: +0,74%
▪️China — Shenzhen: +1,18%

Veja Também