Ibovespa

Alta do Ibovespa é limitada por commodities voláteis e NY cautelosa sobre a política monetária; veja também em vídeo

Atualizado 05/12/2023 às 13:38:37

[05/12/24] Da Redação do Bom Dia Mercado


Os rendimentos do Tesouro americano aprofundaram a queda após a divulgação do PMI medido pelo ISM, que veio melhor que o estimado, enquanto as bolsas americana operam mistas (Dow -0,41%; S&P -0,18%) com Nasdaq i(+0,20%) invertendo o sinal com os yields, especialmente depois do Jolts apontar abertura de vagas em outubro menor que o consenso. Aqui, o Ibovespa sobe aos 126.912,36 pontos (+0,09%), em meio à volatilidade das commodities e alta das ações de economia doméstica. O dólar sobe a R$ 4,9537 (+0,10%), em linha com o desempenho da moeda ante emergentes, enquanto o DXY é estável aos 103,708 pontos (-0,00%). Na contramão dos Treasuries, os juros futuros avançam moderadamente a partir de Jan/25. Os investidores seguem preocupados com novembro ter ido longe demais na expectativa de pouso suave da economia americana e buscam nos indicadores pistas sobre a redução das taxas de juro no próximo ano, por isso a semana começou com ações sem fôlego. Desde ontem ressurgiram preocupações sobre a rapidez excessiva em antecipar a flexibilização da política monetária. O payroll previsto para 6ªF é visto como peça-chave para compreender o cenário. (Ana Katia)

Clique aqui e veja o boletim em vídeo do jornalista Tiago Abech

Veja Também