Ibovespa

Ações ligadas ao minério recuam, com a commodity mista no exterior antes de dados chineses

Atualizado 04/07/2023 às 10:58:27

Na China, após recuo do PMI/S&P Global industrial de 50,9 em maio para 50,5 em junho, o investidor aguarda leitura final de junho do índice composto do S&P Global/Caixin, que ficou em 57,1 em maio. O contrato para setembro de minério de ferro em Dalian fechou em leve baixa de 0,06% em Dalian (US$ 113,73 a tonelada), mas no mercado à vista de Qingdao, houve alta de 0,42% (US$ 111,15). Há pouco, a commodity registrava eleve alta de 0,05%, em Cingapura, a US$ 108,95 a tonelada.

Por aqui, as ações do setor operam no negativo. Vale (#VALE3) tem queda de 0,41% (R$ 65,96) e CSN Mineração (#CMIN3) recua 0,47% (R$ 4,21); Usiminas (#USIM5) -0,55% (R$ 7,21); CSN (#CSNA3) cede 1,30% (R$ 12,15); Gerdau (#GGBR4) -0,73% (R$ 25,78) e Metalúrgica Gerdau (#GOAU4) cai 0,82% (R$ 12,16).

Os bancos, que ontem subiram em bloco, hoje caem. Banco do Brasil (#BBAS3) cede 0,04% (R$ 50,37); Bradesco ON (#BBDC3) cede 0,47% (R$ 14,75); Bradesco PN (#BBDC4) -0,48% (R$ 16,56); Itaú (#ITUB4) -0,03% (R$ 28,95) e Santander (#SANB11) -0,83% (R$ 31,16). (Priscila Arone)

Veja Também