Ibovespa

Ações de mineração e siderurgia e petróleo dão sustentação ao índice

Atualizado 18/07/2023 às 11:13:22

O dia é positivo para o minério de ferro, cujo contrato para setembro fechou em alta de 0,66% em Dalian (US$ 117,82 a tonelada). No mercado à vista de Qingdao, a valorização foi de 0,68% 9US$ 115,72), mas em Cingapura, há pouco, recuava 0,04% (US$ 113,65).

No mercado local, fica a expectativa pela divulgação do relatório de produção da Vale, que sai após o fechamento do mercado. Na bolsa, as ações operam mistas. Vale (#VALE3) tem valorização de 0,15% (R$ 67,95), mas CSN Mineração (#CMIN3) cai 0,24% (R$ 4,22). Usiminas (#USIM5) recua 0,27% (R$ 7,40); CSN (#CSNA3) +0,23% (R$ 12,91); Gerdau (#GGBR4) tem ganho de 0,77% (R$ 27,47) e Metalúrgica Gerdau (#GOAU4) +0,31% (R$ 12,87).

Os contratos futuros de petróleo também operam em alta, após quedas firmes ontem, em razão dos dados da economia chinesa. O mercado analisa as declarações do presidente da Petrobras, Jean Paul Prates sobre o plano de investimento da estatal. Apesar disso, as ações da estatal operam mistas. Petrobras ON (#PETR3) cede 0,25% (R$ 32,48), mas Petrobras PN (#PETR4) tem queda de 0,17% (R$ 28,94), enquanto Prio (#PRIO3) sobe 2,17% (R$ 42,90) e 3R Petroleum (#RRRP3) +0,31% (R$ 32,96). (Priscila Arone)

Veja Também