Sem categoria

Dólar oscila, mas retoma queda, e juros sobem com exterior avaliando aperto e Pibão dos EUA

Atualizado 27/07/2023 às 09:51:26

O dólar oscilou após abertura e há pouco retomava queda a R$ 4,7209 (-0,15%), com o dólar futuro a R$ 4,7225 (-0,42%) às vésperas da formação da Ptax. No exterior a moeda enfraqueceu pós Fed, mas retomou fôlego pós BCE e a bateria de dados americanos, com DXY em 100,937 pontos (+0,05%).

O PIB americano do 2TRI (anualizado) cresceu 2,4%, muito acima da projeção de +1,8% e do 1TRI (2%). Os pedidos de auxílio-desemprego, em 221 mil, vieram abaixo do estimado. Ontem, o Fed subiu juros como esperado e disse que novos aumentos nas taxas dependeriam dos dados. Apesar de Jerome Powell ter deixado a porta aberta para outro aumento em setembro, os investidores não parecem convencidos e estão confiantes de que o ciclo de aperto nos EUA está próximo do fim.

Como esperado, o BCE subiu juros em 25 pb e reafirmou sua dependência de dados e o objetivo de levar a inflação de volta à meta, mas não se comprometeu com novos aumentos. O euro (-0,06%) perdeu força após o BCE, e a libra cai mais (-0,16%), depois de atingir máxima de uma semana no início da sessão.

Os rendimentos dos Treasuries estão mistos, com o da Note de 2 anos cedendo a 4,84520%, de 4,85340%. Aqui, os juros renovam máximas e sobem em toda a curva. (Ana Katia)

Compartilhe:


Veja mais sobre:


Veja Também