Sem categoria

China anuncia novo estímulo à economia e impulsiona commodities

Atualizado 14/09/2023 às 18:22:11

A decisão do banco central da China de cortar a taxa de compulsório bancário no país impulsionou as commodities e, consequentemente, as ações dos setores de mineração, siderurgia e petróleo, além das moedas de países produtores desses insumos, como o real brasileiro.

O dólar fechou abaixo do patamar de R$ 4,90, com queda de 0,91%, a R$ 4,8727. Já o Ibovespa fechou com alta de 1,03%, aos 119.391,55 pontos, puxado pelas ações da Vale (+4,10%, a R$ 70,12).

Nos Estados Unidos, a sessão também foi positiva para as bolsas. Apesar de a inflação ao produtor (PPI) e as vendas ao varejo terem vindo acima do esperado, investidores seguiram acreditando que o Fed não subirá os juros neste mês, mas alongará o tempo em que as taxas permanecerão elevadas para conter a inflação e garantir um “pouso suave” da economia americana.

Em Nova York, o índice Dow Jones subiu 0,96%, aos 34.907,11 pontos. O S&P500 ganhou 0,84%, aos 4.505,10 pontos. E o Nasdaq avançou 0,81%, aos 13.926,05 pontos.

Na Europa, o Banco Central Europeu (BCE) sinalizou o fim do seu ciclo de aperto monetário, após ter elevado os juros em 25 pontos-base hoje, o que fez o dólar ganhar força frente ao euro. A moeda europeia atingiu seu menor valor desde março, cotada a US$ 1,0644. (Téo Takar)

Compartilhe:


Veja mais sobre:


Veja Também