Sem categoria

BDM Express: Haddad só fala após reunião com Lula

Atualizado 30/10/2023 às 05:58:49

Além da guerra, que escalou com os ataques terrestres de Israel à Gaza, ameaçando tomar a região, das reuniões do Fed, do BoE, BoJ e do Copom, do balanço da Apple, do payroll nos EUA, do PIB e da inflação na zona do euro e de novos indicadores da China, e além do feriado de Finados na 5ªF, o investidor tem uma bomba que não foi desarmada no fim de semana. Haddad ainda não se pronunciou sobre a surpreendente fala de Lula sobre a inviabilidade da meta fiscal.

O BDM apurou que ele preferiu esperar pela reunião desta manhã do presidente com os ministros para só depois dar alguma explicação. O timing para desacreditar o esforço da Fazenda não poderia ser pior, com a agenda econômica em fase decisiva no Congresso e às vésperas de o BC dar sequência ao processo de redução da taxa Selic.

O estresse provocado pela declaração de Lula na 6ªF não mudou a perspectiva de que o Copom manterá o ritmo de queda de 0,50pp, nesta 4ªF, com o juro básico caindo para 12,25%.

No Congresso, o relator da LDO, Danilo Forte (União Brasil), que defende a alteração da meta fiscal, aproveitou para vender seu peixe. O deputado pretende incluir no texto um mecanismo para proteger emendas parlamentares de cortes e bloqueios feitos pelo governo. A proposta, segundo ele, tem “amplo apoio do Congresso”.

SUBVENÇÃO DO ICMS – Na Câmara, Lira anunciou sessões deliberativas hoje e amanhã para compensar o feriado de Finados. No Senado, Rodrigo Pacheco prometeu dar celeridade ao projeto dos fundos, enquanto a reforma tributária está prevista para ser votada na Comissão de Constituição e Justiça e no plenário da Casa em meados de novembro.

AGENDA DA SEMANA – Sai hoje o IGP-M (8h). Ainda do lado da inflação, saem o IPC-S (4ªF) e IPC-Fipe (6ªF) do mês. Na onda de revisões para a inflação, o mercado ainda deve ter ajustes a fazer hoje no IPCA da pesquisa Focus (8h25), que já roda abaixo da meta, em 4,65%. A produção industrial de outubro vem na 4ªF. Hoje tem Caged de setembro (14h). Amanhã (3ªF), é a vez da Pnad Contínua de setembro.

BALANÇOS – Ambev vem amanhã (3ªF), junto com Petrorio, Telefônica Brasil (Vivo), Cielo, CCR, Carrefour, Raia, Auren, Kepler Weber e Marcopolo. Hoje, após o fechamento, saem os números de GPA, Assaí e Isa Cteep. Lá fora, saem hoje os balanços de McDonald´s e HSBC, antes da abertura.

LÁ VEM O FED – O mercado em NY está fechado na aposta unânime de pausa do Fed nos Estados Unidos, na 4ªF, dia 1º/11. Além do Fed, a semana tem reuniões do BoE (5ªF) e BoJ (3ªF), balanço da Apple (4ªF), payroll de outubro (6ªF) e dados na China, com atenção hoje (2ªF) à noite para o PMI oficial industrial e de serviços.

Amanhã (3ªF), o mesmo indicador, só que medido pelo setor privado, será divulgado. Na 5ªF, sai o PMI composto de outubro. Na agência AP, fonte informou que Biden e Xi Jinping podem se reunir em novembro, à margem da cúpula da APEC. Ainda nos EUA, na 4ªF do Fed, saem os PMIs industriais medidos pela S&P Global e pelo ISM.

ZONA DO EURO – Serão divulgados o PIB/3Tri e CPI de outubro (amanhã, 3ªF) e a leitura final de outubro do PMI industrial (5ªF). Hoje, saem o índice de confiança do consumidor no bloco (7h) e o CPI da Alemanha (10h).

O BDM Express é a versão resumida do BDM Morning Call, referência da pré-abertura do mercado financeiro há 20 anos. Conheça todos os produtos do Bom Dia Mercado.

Compartilhe:


Veja mais sobre:


Veja Também